Autor Tópico: Será dificil o Linux ganhar do Windows se mudaças urgentes não ferem adotadas!!!  (Lida 49151 vezes)

Offline hugoleal85

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 508
    • Ver perfil
    • Recanto do Tux
Citar

Sim Hugo,

Se fosse tão simples assim como vc está dizendo seria ótimo, ir a Central de programas, procurar,  baixar e pronto. Isso deveria se o ideal, mas, quando o programa não faz parte da relação que está lá? Ou pior, quando ele faz parte da relação é baixado mas não abre. No meu caso, foi o "Vidalia", instalei e passei dias tentando fazê-lo funcionar e não consegui, então tentei no Windows e consegui na primeira tentativa, next, next e pronto, instalado.
Já o Chrome não faz parte da lista da Central de programas do Ubuntu, então procurei a versão pra Linux, baixei mas também não consegui abrir até agora.
Outro que não tem na relação é o Openproj, que também baixei e não consegui abrir.
Será que o meu Ubuntu tá bugado?

Eu li alguns comentários sobre o meu Tópico e percebi o seguinte, os usuários do Linux se sentem ofendidos por alguém dizer que o Linux é Complicado e ainda se sentem mais ofendidos se alguém fizer elogios ao Windows.
Eu já não tenho mais idade pra ficar me enganando, os dois SOs têm os prós e contras. Eu gostaria muito que o SO Linux dominasse o mundo, pois como eu falei, sou um entusiasta do Software Livre, mas mesmo assim não posso mentir para mim mesmo e dizer que o Windows é ruim.

Recifense.


Companheiro,

Vamos as respostas às suas afirmações:

1)Quanto ao problema do Vidalia, você chegou a procurar ajuda aqui no Fórum? Leia o tópico abaixo, por exemplo:
http://ubuntuforum-br.org/index.php?topic=90605.0
Outra coisa, nunca houve um aplicativo ou driver que você enfrentou dificuldades para instalar no Windows? Tenho certeza que sim. Experimente procurar ajuda num Fórum Windows e observe qual será o retorno que terá por lá.

2)Quanto ao Chrome, como você faz para instalá-lo no Windows? Procura na web o arquivo executável e instala-o. No Linux o processo é simplesmente o mesmo, com a diferença de ao invés de um executável ser um arquivo deb. Clique no link abaixo, baixe o deb do Chrome e veja o quão simples é instalá-lo.
https://www.google.com/chrome

3) Dizer que o Ubuntu está bugado por não ter um aplicativo desenvolvido para outro SO? Cê tá de brincadeira, né? Então o Windows está bugado por não abrir arquivos odt, por exemplo? E o MacOS então: não roda dezenas de aplicativos que só estão disponíveis para o Windows. Haja bug, heim? Já sei: esqueceu do Wine e PlayonLinux, não é? Olha, para não voltar a escrever esse tipo de bobagem sugiro que se informe sobre o significado da palavra bugado, antes.

4) Quando você me viu dizer que o Windows ou qualquer outro SO é ruim?
 
5) Ser diferente é ser difícil? Acredito então que o colega jamais comprará um tablet ou smartphone, não é verdade? Aliás, já estou bastante preocupado em como você irá se adaptar ao Windows 8, já que gosta tanto do SO proprietário do tio Gates. Já viu o quão diferente ele está em relação a tudo que a MS já produziu antes?

Abraço e fique com Deus.
« Última modificação: 11 de Julho de 2012, 01:20 por hugoleal85 »
"Cada homem que encontro é superior a mim em alguma coisa; e nisto posso aprender dele." [Ralph W. Emerson]
Meu blog

Offline nomade

  • Equipe Ubuntu
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 1.128
  • O negócio não tem alma
    • Ver perfil
Citar
Sim Hugo,

Se fosse tão simples assim como vc está dizendo seria ótimo, ir a Central de programas, procurar,  baixar e pronto. Isso deveria se o ideal, mas, quando o programa não faz parte da relação que está lá? Ou pior, quando ele faz parte da relação é baixado mas não abre. No meu caso, foi o "Vidalia", instalei e passei dias tentando fazê-lo funcionar e não consegui, então tentei no Windows e consegui na primeira tentativa, next, next e pronto, instalado.
Já o Chrome não faz parte da lista da Central de programas do Ubuntu, então procurei a versão pra Linux, baixei mas também não consegui abrir até agora.
Outro que não tem na relação é o Openproj, que também baixei e não consegui abrir.
Será que o meu Ubuntu tá bugado?

Eu li alguns comentários sobre o meu Tópico e percebi o seguinte, os usuários do Linux se sentem ofendidos por alguém dizer que o Linux é Complicado e ainda se sentem mais ofendidos se alguém fizer elogios ao Windows.
Eu já não tenho mais idade pra ficar me enganando, os dois SOs têm os prós e contras. Eu gostaria muito que o SO Linux dominasse o mundo, pois como eu falei, sou um entusiasta do Software Livre, mas mesmo assim não posso mentir para mim mesmo e dizer que o Windows é ruim.

Recifense.


Pô cara, nem sei pra que você quer entrar na deep, mas se faz questão toma ae: https://www.torproject.org/
fica no mesmo lugar em que você encontra para Windows, basta estar usando Linux que aparece o download para Linux 32 ou 64 bits e a dificulade para utilizar é a mesma. Quanto a segurança... já é outra história, fica por sua conta e risco.

no arquivo "start-tor-browser" você clica com a direita, depois vai na aba permissões e marca permitir executar como programa. Agora é só dar dois cliques que vai abrir o navegador configurado com vidalia, nem precisa instalar. Se isso é difícil eu não sei, depende do que você acha difícil.
Realmente, nem sempre ter muitas opções é fácil, no Linux você precisa saber configurar algumas coisas as vezes, porém desconfie se te derem tudo pronto também. É sempre bom para os hackers ter usuários windows na deep, se não quem vai carregar os botnets?

Agora, ao invés do Chrome você pode instalar o Chromium que está na central de programas, é a mesma coisa é feito pela Google, não é um clone, é o mesmo navegador, na boa.

Cara, minha mãe tem 57 anos e usa o Ubuntu na boa já fazem 3 anos e ela é usuária basicona mesmo.  Não me ofende acharem que é complicado usar, me sinto até lisonjeado, quando me julgam "inteligente" por utilizar com tranquilidade, só que eu sei que não é nada tão demais assim e no geral, eu acho mais simples que o Windows dentro dos parâmetros que mencionei.

Como o Tota falou, estude mais ambos os sistemas que verá o tamanho do preconceito que está tendo. Se você só tivesse visto Linux na vida, teria a mesma dificuldade utilizando o Windows.
« Última modificação: 11 de Julho de 2012, 01:30 por nomade »
Rodando Ubuntu 17.10 com: AMD Bulldozer FX-6100 3.3GHz 6-Core Black Edition/ Gigabyte 78LMT-S2P/ 8GB 1600MHz / Radeon R7 260X 2GB GDDR5

Offline Sergio Benjamim

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 2.902
    • Ver perfil
Colega.

Quanto as suas observações, pergunto:

- Que aplicativos são esses que precisa de algo tão complexo para ser instalado?
- Para instalar um aplicativo no Ubuntu e derivados basta abrir a Central de Programas, escolher o aplicativo desejado e pronto. Há algo mais simples no Windows?

Por fim ainda há o Wine e PlayonLinux, que permitem rodar aplicativos do Windows no Linux. Agora se o colega quiser o inverso, como fará para conseguir?

Quanto ao Windows ser estável, não travar e principalmente ser cada vez mais seguro, nestes aspectos o Linux está anos luz à frente do Windows?




Sim Hugo,

Se fosse tão simples assim como vc está dizendo seria ótimo, ir a Central de programas, procurar,  baixar e pronto. Isso deveria se o ideal, mas, quando o programa não faz parte da relação que está lá? Ou pior, quando ele faz parte da relação é baixado mas não abre. No meu caso, foi o "Vidalia", instalei e passei dias tentando fazê-lo funcionar e não consegui, então tentei no Windows e consegui na primeira tentativa, next, next e pronto, instalado.
Já o Chrome não faz parte da lista da Central de programas do Ubuntu, então procurei a versão pra Linux, baixei mas também não consegui abrir até agora.
Outro que não tem na relação é o Openproj, que também baixei e não consegui abrir.
Será que o meu Ubuntu tá bugado?

Eu li alguns comentários sobre o meu Tópico e percebi o seguinte, os usuários do Linux se sentem ofendidos por alguém dizer que o Linux é Complicado e ainda se sentem mais ofendidos se alguém fizer elogios ao Windows.
Eu já não tenho mais idade pra ficar me enganando, os dois SOs têm os prós e contras. Eu gostaria muito que o SO Linux dominasse o mundo, pois como eu falei, sou um entusiasta do Software Livre, mas mesmo assim não posso mentir para mim mesmo e dizer que o Windows é ruim.

Recifense.
 

Concordo com vc em partes, não é porque um programa funcionou no Windows e não no Linux que o Windows é mais fácil de mexer ou Linux é díficil... uma coisa não tem nada a ver com a outra. O programa simplesmente tá com um bug, como tenho presenciado com o maldito do Pidgin, que não abre de primeira no Ubuntu 12.04. Podia ocorrer o contrário, funfar no Linux e não funfar no Windows.

Já procurou adicionar repositórios dos softwares que vc está procurando? Ahh, não precisa baixar e instalar o Google Chrome no Ubuntu, basta vc adicionar um repositório (ppa) e procurar na central de programas. Larga mão dessa mania de baixar e next next finish do windows (não sei se vc quis dizer "instalar pelo meio oficial da Central de Programas" quando usa o "baixar"; "abrir" vc quer dizer abrir o programa em si e mexer nele ou está falando da parte de abrir o binário, .deb, .rpm ou seja lá o q for que vc está tentando instalar?). Olha como vc faz para instalar o Chrome no Ubuntu (é, vai ter q usar o terminal, não tem jeito):

wget -q -O - https://dl-ssl.google.com/linux/linux_signing_key.pub | sudo apt-key add -
sudo sh -c 'echo "deb http://dl.google.com/linux/chrome/deb/ stable main" >> /etc/apt/sources.list.d/google.list'
sudo apt-get update
sudo apt-get install google-chrome-stable

Dá uma olhada melhor em http://www.ubuntuupdates.org/ppa/google_chrome

Veja isso também: http://www.google.com/linuxrepositories/

Google Chrome não tem no Ubuntu, naturalmente, por questões legais, como o plugin de Flash embutido nele, e outras firulas, que não são software livre. Há uma opção totalmente em software livre, procure por Chromium na Central de Programas, é praticamente igual ao Google Chrome.

Os outros softs não posso ajudar, não conheço... procure ajuda com seu velho e bom amigo Google.
« Última modificação: 11 de Julho de 2012, 01:52 por Sergio Benjamim »
É novo no Ubuntu? Já leu o Ubuntu – Guia do Iniciante 2.0 ?
Experimente o Xubuntu 14.04 !

Offline irtigor

  • Equipe Ubuntu
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 4.346
  • Delete, delete, delete!
    • Ver perfil
Tentou correr sem nunca andar... no lugar de criar um tópico desse tipo, que daqui alguns meses - na medida que for dominando o sistema - você vai se arrepender de ter escrito (ou esquecer, porque desistiu de "tentar" mudar), seria muito mais construtivo pedir ajuda, afinal é um sistema completamente diferente: não é motivo pra vergonha, admitir que não consegue fazer algumas coisas, que no outro sistema você acha fácil (também não é, necessariamente, sinal de falta de usabilidade). Ai, com o passar do tempo, uma avaliação poderia ser feita; de preferencia ponderando muito bem cada ponto.

Offline Andreson Goveia

  • Equipe Ubuntu
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 1.985
  • Kubuntu 14.10
    • Ver perfil
Bem pelo que sei, é a Micorsoft que copia as novidades que são desenvolvidas no mundo do software livre.
Sabe da onde vem a interface do windows 7? Uma copia do KDE.
Não é necessário nenhuma mudança urgente não, por que o Ubuntu e qualquer outra distro linux famosa,não procura ser igual ou imitar o windows,
Facilidade o Ubuntu tem de sobra, ta dificil de instalar um jogo ou um hardware, não é culpa do ubuntu ou de qualquer linux e sim do desenvolvedor que não vez uma versão para linux, não tem nos repositórios? adicione um ppa, no windows vivia correndo atrás de sites para achar um programa, no linux é feito pelo próprio sistema,
E de tando sucesso que fez que o Android, o IOS e agora até o windows imitou criando um sistema de distribuição de software integrado ao sistema.

Sabe o que falta para o Ubuntu estarem uma boa fatia do mercado, vir instalado de fabrica, pois a maioria das pessoal "normais" não sabem como formatar, instalar ou alterar o sistema, dai ficam com o PC da forma que vem de fabrica, se o Ubuntu já estivesse vindo de fabrica a mais tempo essa fatia do mercado já estaria bem mais alta,
e isso é uma coisa que já esta mudando, pois a Canonical firma cada dia mais contratos com fabricantes de PC.

Quer um exemplo simples?
Antes do android chegar as prateleiras a Apples era praticamente absoluta em seu ramo de smartfone com o IOS, agora quem domina o mercado?
O android :)
Você acha que o windows phone vai conseguir alguma coisa?
Para mim não vai fazer nem cosquinha, tanto que a Nokia ta indo de mal a pior e ja esta quase sendo propriedade da MS e se não for terá que usar seu plano de emergência que é provavelmente usar o Android em seus Smartfones.
Ainda mais agora com a EAgames e outros produtores de jogos portando para linux, o windows que aguarde.

Offline Recifense

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 5
    • Ver perfil
Cara, eu mesmo sou a prova de que é possível usar o Ubuntu sem digitar um pingo de comando no terminal (já estou a uns dois meses assim, e continuo), só uso a Central de Programas. Pode ser que o Ubuntu não tenha os programas populares que o Windows têm, mas essa de que usa-lo é complicado não cola. Atualmente não.



Sim colega, Eu acredito,

Certamente Você usa apenas o LibreOffice, não é?

Recifense.

Offline Recifense

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 5
    • Ver perfil
Citar
A comunidade Linux tem que ser mais humilde para admitir os acertos do Windows e incorporá-los nos projetos de nova distribuições


Não tem como cara, o Windows tem o código fonte fechado, seria violação de propriedade intelectual, rsrsrsrs é um fato!
Brincadeiras a parte, a comunidade é humilde, só não costuma ser desinformada e desinteressada. É preciso ter essas duas "virtudes" para acreditar que o Windows tem tantos pontos positivos, ou pelo menos novidades a serem implementados no Kernel Linux. Todas as novidades acerca de TI surgem primeiro na comunidade e depois costumam ser incorporadas pela microsoft no Windows, já a algum tempo, é um fato. As facilidades ou dificuldades na instalação podem estar relacionadas ao fato de não estar procurando utilizar softwares nativos do Linux. Se quer rodar programas do Windows simplesmente use Windows. Configurar o wine pra rodar tais programas realmente pode exigir conhecimento. Lembre-se que se utilizar um Mac OSX deverá utilizar os programas para ele, caso contrario também tera que utilizar o wine e terá o mesmo problema que encontrará com o Linux. Sempre existe um programa proporcional ao que existe para WIndows e quase sempre ele é até mais útil, com poucos acorre o contrário.

Alguém já conseguiu utilizar o "adicionar e remover programas" do windows (xp) para instalar um programa, que eu saiba ele só remove, mas no Ubuntu a central de programas facilita sua vida, de forma que você não tem que ficar procurando programas pelo google, em sites como Baixaki (você até pode fazer isso, mas...), eles estão lá na central de programas do Ubuntu, e se algum que queira não estiver você, quase sempre, pode adicionar ao repositório. E isso já é mais velho que andar pra frente no Linux, mas agora a Microsoft está começando a fazer igual. Por que será? Será que o método do Linux é tão ruim assim.

Enfim... cada um utiliza o sistema que acha melhor.



Meu Caro, Nomade,

1 - Você diz que não é preciso procurar programas no Baixaki ou no Google, como se todos os programas estivessem na Central de Programas do Ubuntu. Vou te dizer dois que não estão, o Chrome e o Openproj.

2 - Baixei esses dois programas, Chrome para Linux e o Openproj que é um Software Livre. Não consegui abrir nenhum dos dois e ainda pior, tem um outro que está na central de programas, o Vidalia, que também instalei e não abriu, passei dias tentando. Já no Windows, instalei na primeira tentativa, next, next e pronto.
 
3 - Sim, eu conheço os programas específicos para cada SO e também tenho o Wine instalado no meu PC.

4 - Também concordo que a tecnologia do SO Linux é bem superior ao Windows, Porém, não consigo entender a esmagadora supremacia do Windows no mundo, apesar de ser inferior, inseguro e pago. Tudo de bom está no Linux, é gratuito, é seguro, é estável mas não deslancha, fica apenas segmentado na utilização de servidores corporativos.
É uma conta que não fecha!!!

Não fique chateado e nem pense que eu sou contra o Linux, pelo contrário, eu sou um dos maiores entusiastas do Linux e da filosofia que o acompanha, mas não posso figir da realidade e dizer  que o Windows não presta quando os números dizem, justamente o contrário.

Recifense.



Willder

  • Visitante
Saudações,

Sou novo usuário do Linux e estou tentando me adaptar. Sei que é um SO muito bom e seguro, porém é muito complicado. Para se instalar um simples programa é necessário que o usuário tenha conhecimento das minúcias técnicas do programa que ira instalar, da compatibilidade das distros, da conversão de pacotes .deb em .rpm, etc. Isso é impraticável para o usuário comum eu ainda estou insistindo porque tenho graduação na área de informática e sou um entusiasta da filosofia do Software Livre.
A receita é simples, importar do Windows o que ele tem de melhor, a (usabilidade) e manter o que o Linux tem de melhor (Gratuidade e Segurança).
A comunidade Linux tem que ser mais humilde para admitir os acertos do Windows e incorporá-los nos projetos de nova distribuições. Hoje o Windows é estável, não trava e a cada versão torna-se mais seguro. Se o Linux não quiser ficar restrito apenas ao uso de servidores terá que rever os seus conceitos estratégicos e ideológicos o quanto antes.A distribuição Ubuntu tem tudo para unir os dois conceitos e avançar na conquista de novos segmentos.

Isso é algo complicado de se debater. Por mais que você tente, sempre vai vir alguém dizendo "ah não é necessário usar o Terminal, mimimi", "o Ubuntu é estável, mimimi", e por ai vai.

Eu ia me dar o trabalho de responder algumas respostas, era usuário do Windows 7 e gostei muito dele, assim como também gostei do Ubuntu.

Temo que nunca sairemos dos 1% do market share, ou talvez até saia, para menos que isso...
« Última modificação: 11 de Julho de 2012, 08:47 por Willder »

Offline EdvaldoSCruz

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 2.326
  • Deus é bom e JESUS CRISTO é o filho dEle.(Jo14:23)
    • Ver perfil

....................... Chrome para Linux e o Openproj que é um Software Livre. Não consegui abrir nenhum dos dois e ainda ................................
Recifense.


Resolvido - Instalando o Openproj, clique aqui.

Instalar o Goolgle Chrome no Ubuntu 12.04 PP LTAS, clique aqui.



Como desinstalar o Google Chrome pelo Terminal(Ctrl + Alt + T)

# sudo apt-get remove google-chrome.*

# sudo apt-get --purge remove google-chrome.*

# sudo apt-get update



Ignorância é não aceitar e não submeter-se a CRISTO JESUS.
Para os Iniciantes, como eu, links de solucionar problemas rapidamente.

Offline hugoleal85

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 508
    • Ver perfil
    • Recanto do Tux
Cara, eu mesmo sou a prova de que é possível usar o Ubuntu sem digitar um pingo de comando no terminal (já estou a uns dois meses assim, e continuo), só uso a Central de Programas. Pode ser que o Ubuntu não tenha os programas populares que o Windows têm, mas essa de que usa-lo é complicado não cola. Atualmente não.



Sim colega, Eu acredito,

Certamente Você usa apenas o LibreOffice, não é?

Recifense.


Até aqui eu estava achando que o autor do tópico tinha o mínimo de boas intenções, mas depois dessa resposta ele deixa bem claro que só quer tumultuar o ambiente.

Se tem algo com o qual eu não perco meu tempo é alimentar os trolls, sendo assim me despeço desse tópico e peço que os demais colegas façam o mesmo.

Abraço.

"Cada homem que encontro é superior a mim em alguma coisa; e nisto posso aprender dele." [Ralph W. Emerson]
Meu blog

Offline linuser104

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 838
    • Ver perfil




Meu Caro, Nomade,

1 - Você diz que não é preciso procurar programas no Baixaki ou no Google, como se todos os programas estivessem na Central de Programas do Ubuntu. Vou te dizer dois que não estão, o Chrome e o Openproj.

2 - Baixei esses dois programas, Chrome para Linux e o Openproj que é um Software Livre. Não consegui abrir nenhum dos dois e ainda pior, tem um outro que está na central de programas, o Vidalia, que também instalei e não abriu, passei dias tentando. Já no Windows, instalei na primeira tentativa, next, next e pronto.
 
3 - Sim, eu conheço os programas específicos para cada SO e também tenho o Wine instalado no meu PC.

Recifense.




Erro clássico de alguns que estão vindo do windows, achar que o linux é uma cópia legalizada(gratuita) do windows.

Não é!

É um SO novo e tem suas particularidades.

Você afirma que não tem o Chrome nos repositórios e com esse nome realmente não tem, mas tem o seu equivalente o Chromium que é a mesma coisa, exceto por um diferença na cor do ícone, uns plugins (pdf) que podem ser adicionandos. Se você for na opção sobre do Chrome verá na descrição dele que o mesmo foi feito baseado no Chromium. São a mesma coisa com nomes diferentes.

Se você não consegue ir ao site do Chrome, baixar o .deb para versão do linux e depois dar um clique duplo sobre ele, fornecer sua senha e nada mais (nada de next, next, next) para instalar o Chrome, sinto muito mas você é muito tapado.

Você afirma que conhece os programas para linux, pelo visto não é verdade, pois se assim fosse procuraria instalar o Chromium e não o Chrome de início. Isso prova o total desconhecimento e aí quer falar com propriedade sobre o linux.

Quem entende um pouco procura instalar, pelo menos de início, os programas similares/equivalentes, LibreOffice e não MS Office, Chromium e não Chrome, empathy/pidgin/emesene/amsn dentre outros e não o msn e por aí vai.
« Última modificação: 11 de Julho de 2012, 10:55 por linuser104 »
Linux = Quem realmente gosta de computador; Mac = Artista Digital; Windows = A maioria que votou no Tiririca [pior que tá não fica].

Offline nomade

  • Equipe Ubuntu
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 1.128
  • O negócio não tem alma
    • Ver perfil
Citar
A comunidade Linux tem que ser mais humilde para admitir os acertos do Windows e incorporá-los nos projetos de nova distribuições


Não tem como cara, o Windows tem o código fonte fechado, seria violação de propriedade intelectual, rsrsrsrs é um fato!
Brincadeiras a parte, a comunidade é humilde, só não costuma ser desinformada e desinteressada. É preciso ter essas duas "virtudes" para acreditar que o Windows tem tantos pontos positivos, ou pelo menos novidades a serem implementados no Kernel Linux. Todas as novidades acerca de TI surgem primeiro na comunidade e depois costumam ser incorporadas pela microsoft no Windows, já a algum tempo, é um fato. As facilidades ou dificuldades na instalação podem estar relacionadas ao fato de não estar procurando utilizar softwares nativos do Linux. Se quer rodar programas do Windows simplesmente use Windows. Configurar o wine pra rodar tais programas realmente pode exigir conhecimento. Lembre-se que se utilizar um Mac OSX deverá utilizar os programas para ele, caso contrario também tera que utilizar o wine e terá o mesmo problema que encontrará com o Linux. Sempre existe um programa proporcional ao que existe para WIndows e quase sempre ele é até mais útil, com poucos acorre o contrário.

Alguém já conseguiu utilizar o "adicionar e remover programas" do windows (xp) para instalar um programa, que eu saiba ele só remove, mas no Ubuntu a central de programas facilita sua vida, de forma que você não tem que ficar procurando programas pelo google, em sites como Baixaki (você até pode fazer isso, mas...), eles estão lá na central de programas do Ubuntu, e se algum que queira não estiver você, quase sempre, pode adicionar ao repositório. E isso já é mais velho que andar pra frente no Linux, mas agora a Microsoft está começando a fazer igual. Por que será? Será que o método do Linux é tão ruim assim.

Enfim... cada um utiliza o sistema que acha melhor.



Meu Caro, Nomade,

1 - Você diz que não é preciso procurar programas no Baixaki ou no Google, como se todos os programas estivessem na Central de Programas do Ubuntu. Vou te dizer dois que não estão, o Chrome e o Openproj.

2 - Baixei esses dois programas, Chrome para Linux e o Openproj que é um Software Livre. Não consegui abrir nenhum dos dois e ainda pior, tem um outro que está na central de programas, o Vidalia, que também instalei e não abriu, passei dias tentando. Já no Windows, instalei na primeira tentativa, next, next e pronto.
 
3 - Sim, eu conheço os programas específicos para cada SO e também tenho o Wine instalado no meu PC.

4 - Também concordo que a tecnologia do SO Linux é bem superior ao Windows, Porém, não consigo entender a esmagadora supremacia do Windows no mundo, apesar de ser inferior, inseguro e pago. Tudo de bom está no Linux, é gratuito, é seguro, é estável mas não deslancha, fica apenas segmentado na utilização de servidores corporativos.
É uma conta que não fecha!!!

Não fique chateado e nem pense que eu sou contra o Linux, pelo contrário, eu sou um dos maiores entusiastas do Linux e da filosofia que o acompanha, mas não posso figir da realidade e dizer  que o Windows não presta quando os números dizem, justamente o contrário.

Recifense.




Apresentei soluções simples para as questões do Vidalia e do Chrome na minha explanação anterior, é só dar uma lida. Além disso olha o que eu disse sobre os aplicativos em geral
Citar
eles estão lá na central de programas do Ubuntu, e se algum que queira não estiver você, quase sempre, pode adicionar ao repositório
. O problema com o openproj é relativo ao seu suporte ao Java Runtime da Oracle, pois ele pede o Java da Sun que não existe mais (nem sei se no Windows da esse problema, mas... enfim se quiser ajuda para resolver o problema existem tópicos sobre esse problema)

Fora que sim, existe um software que faz a função do MS Porject na Central de Programas e ele se chama Planner. Se você escrever Project no buscador da Central de Programas ele é o segundo que vai aparecer. Também tem outros.

Citar
Planner é um software livre (licenciado sob a GNU General Public License) destinado ao gerenciamento de projetos.

Ele faz parte da suíte de aplicativos de escritório do GNOME.
Possui uma interface desenvolvida em GTK+ e tem como objetivo central auxiliar na administração de atividades projetizáveis e gerenciáveis.[1]

Esse software objetiva tornar-se uma ferramenta de Gerenciamento de Projetos de fácil manuseio e que opere em multiplas plataformas (hoje disponível para Linux e MS Windows).
Fonte:
Citar
http://pt.wikipedia.org/wiki/Planner

Não fico chateado com nada meu amigo, minha intenção é só ajudar. O problema é que ao invés de algumas pessoas procurarem solucionar seus problemas, simplesmente reclamam. Eu conheço vários sites com fórums sobre problemas com o Windows, não vejo nenhum usuário Linux xiita ficar entrando lá pra dizer _Ah! que no Linux isso é melhor, Ah! no Linux isso é mais fácil!
A Microsoft está no mercado para competir, o GNU/Linux é e sempre foi desenvolvido por uma comunidade de programadores (hackers) que não querem ser obrigados a pagar para utilizar um sistema que não pode modificar a vontade. O Linux está se tornando popular? Sim e mais por culpa da instabilidade do Windows do que por algum tipo de markenting (você não vê propagandas do Ubuntu, do Fedora, ou do Suse na TV, vê? Se vier a ver um dia beleza, até tem no EUA, mas não é o foco). Então estabeleça as diferenças de proporção e verá o quanto são infundadas suas questões.
« Última modificação: 11 de Julho de 2012, 11:43 por nomade »
Rodando Ubuntu 17.10 com: AMD Bulldozer FX-6100 3.3GHz 6-Core Black Edition/ Gigabyte 78LMT-S2P/ 8GB 1600MHz / Radeon R7 260X 2GB GDDR5

Offline adilson bts

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 339
    • Ver perfil
acabei fazendo aqui no meio aos amigos uma experiencia... amigos que nunca tiveram contato com o windows eu recomendei a comprar pcs ou notes e logo de cara instalar o linux... resultado... nao se adaptam ao windows, acham complicado e muito enrolado... outros nao quiseram e ja formataram seus pcs varias vezes, pois também nao se adaptam as proprias mudanças dentro de uma ou outra versao do proprio windows... minha filha, meus netinhos todos crianças sempre usaram o linux, meu filho de 22 anos que fazia cara feia quando tinha que usar linux, hj tem no note windows e linux e eu pergunto pra ele, nao vai usar o windows e ele nao responde nada (pq será). nao sei o que acham tao dificil? pra mim o dificil é... instalar um s.o. num hd que estiver formatado em ext4 e ele nao reconhecer o ext4, depois de dores de cabeça conseguir instalar o s.o. agora correr atraz de um antivirus, pronto agora tenho que comprar o office (ou me humilhar e pegar o libreoffice), quase pronto... rede... nem se fala o rolo que da... fragmentaçao, trojans, cada coisa que vou fazer tenho que desembolsar grana... pra mim isso sim é dificil.
note aspire 4710, dualcore 1,73, mobile intel grafic media acelerator 950, 2gb ram, Ultimate edition 2.6- Ubuntu 10.04

Offline lagefilho

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 20
    • Ver perfil
Li a discussão. Legal um usuário do ruindows questionar o linux, mas só um exemplo aqui de casa. Minha mulher usa um note antigo que tinha o xp. O bicho tava carregado que só e lento pra caramba. Falaram pra ela formatar o disco. Aí eu disse a ela pra experimentar o ubuntu, ela topou. Instalei o 10.04.
Ela só me perguntou onde que estavam as coisas. Mostrei: é no painel em cima. Achou legal. Disse que ia experimentar. Faz 4 meses....
Perguntei se ela queria ainda levar pra formatar.
Me disse: Pra que? O computador está rápido, bonito e fácil.
E ela nem sabe o que é linha de comando

Offline Uubaldo

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 28
    • Ver perfil
Eu concordo com o Recifense. Uso o Ubuntu desde 2010, na versão 10.4. Se fosse somar as horas gastas pra resolver todos os bugs e problemas que tive, certamente venceria o tempo que gastaria desfragmentando ou passando antivirus no Windows. Em 2010, quando baixei e instalei, à primeira vista era um ótimo sistema! Apesar da dificuldade inicial. Falei pra alguns amigos, e dois quiseram o cd pra instalar também. Hoje, só eu ainda uso Ubuntu, os outros voltaram pro windows. Confesso que só permaneci pois gostei da velocidade do Ubuntu que é superior, porque sou acomodado mesmo (não queria voltar a instalar tudo denovo no Windows) e porque estou sempre sem tempo devido ao trabalho. A conclusão desses dois anos é que o ubuntu é ótimo, se você for usar só a calculadora e o leafpad. Esses nunca deram pau! 8)
A maior parte dos problemas que tive não consegui resolver. E foi por causa disso que a admiração inicial que tinha pelo Ubuntu logo acabou, assim como a minha paciência. Mas veja bem, essa é minha opnião, não se ofendam. Talvez para usuários mais avançados, que gostam de linha de comando, e de passar horas resolvendo problemas, o linux seja mesmo um ótimo SO, mas não para usuários comuns. Só pra ilustrar o que digo: essa mensagem tive de mandar do desktop que tenho com Windows, pois do meu notebook com o Ubuntu, alguns sites simplesmente não funcionam. 8)