Autor Tópico: Lentidão  (Lida 666 vezes)

Offline maiquel_ferreira

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 2
    • Ver perfil
Lentidão
« Online: 08 de Julho de 2021, 18:42 »
Boa noite!
Recentemente removi o win 10 do meu computador e instalei o Ubuntu 20.04.2 LTS.
Noto que o sistema esta pouco responsivo, (lento), Ao abrir qualquer aplicação demora algo em torno de 15s +ou - para abrir, o mesmo acontece ao clicar no icone do menu. O que pode ter ocasionado isso?

Notebook dell 8GB RAM; Core I7 2,50GHZ; HD SSD 240GB; Ubuntu 20.04.2 LTS

Instalçao limpa, sem dual boot, todas as atualizaçoes feitas.
Desde ja agreço pela ajuda!

Offline Sampayu

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 452
  • "Não é possível semear de mãos fechadas"
    • Ver perfil
    • YouTube
Re:Lentidão
« Resposta #1 Online: 19 de Julho de 2021, 04:58 »
Acredito ser melhor acessar o website do XUbuntu, baixar o ISO do XUbuntu 20.04 de 64 bits e então instalar esse ISO do XUbuntu ao invés do ISO do Ubuntu.

Escolha o sistema de arquivos EXT4 ao invés do ZFS: embora ZFS seja mais moderno, EXT4 é mais rápido na maioria dos cenários.
Yuri Sucupira ("Sampayu")

Offline maiquel_ferreira

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 2
    • Ver perfil
Re:Lentidão
« Resposta #2 Online: 20 de Julho de 2021, 08:14 »
Obrigado pela atenção!
A partição esta em ext4
Quanto ao xubuntu vou avaliar
Obrigado

Offline Sampayu

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 452
  • "Não é possível semear de mãos fechadas"
    • Ver perfil
    • YouTube
Re:Lentidão
« Resposta #3 Online: 20 de Julho de 2021, 22:40 »
Bacana, de nada. O XUbuntu faz um aproveitamento melhor do hardware, devido a o DE (Ambiente de Área de Trabalho) ser o XFCE (que é bem leve), o gestor de tela (Display Manager) ser o LDM (Light Display Manager), que também é bem leve, e o sistema todo estar configurado para performar melhor com esse esquema de recursos.

Assim que o XUbuntu estiver instalado e você efetuar login, abra uma janela do terminal do shell (a combinação de teclas Ctrl Alt T faz isso) e então execute este comando, dentro da janela do terminal:

Código: [Selecionar]
xfwm4-tweaks-settings
Dica: qualquer comando selecionado e copiado aqui com Ctrl C pode ser colado dentro da janela do terminal usando-se a combinação de teclas Ctrl Shift V (ao invés de apenas Ctrl V).

Assim que o comando acima fizer surgir a janela Ajustes do gerenciador de janelas, clique na aba Compositor e desmarque a caixa Habilitar composição de tela. Após isso, feche a janela do gerenciador mas deixe aberta a janela do terminal. Isso aí vai deixar a interface básica do XFCE ainda um pouco mais básica, mas vai dar um ganho razoável de processamento e desempenho gráfico, nesse DE.

Como os daemons ("serviços") dos protetores de tela do Ubuntu que ficam residentes na memória volátil (RAM) são problemáticos com algumas GPU (unidades de processamento gráfico: placas de vídeo, chips gráficos onboard e processadores gráficos embutidos em unidades centrais de processamento/CPU) e isso pode acarretar problemas de desempenho (ou até travamentos), também é recomendável desinstalar o protetor de tela do XFCE4 e instalar no lugar o Xscreensaver, que é bem menos problemático. Os comandos para fazer isso são estes (execute-os na sequência de 1 a 3):

1. Comando para desinstalar o protetor de tela do XFCE:
Código: [Selecionar]
sudo apt purge xfce4-screensaver -y
2. Comando para instalar o protetor de tela Xscreensaver (que não é "problemático"):
Código: [Selecionar]
sudo apt install xscreensaver* -y
3. Comando para iniciar o serviço Xscreensaver:
Código: [Selecionar]
systemctl --user start xscreensaver.service
Após isso, para finalizar, execute o "supercomando" abaixo. Ele fará umas atualizações adicionais no sistema, limpará o cache de pacotes DEB, eliminará uns "lixos" que acaso estejam presentes na sua SSD de 240 GB, e então reiniciará o computador:

Código: [Selecionar]
sudo apt-get clean ; sudo apt-get update ; sudo apt-get check ; sudo apt-get dist-upgrade -y ; sudo apt-get autoremove -y ; sudo apt-get clean ; sudo /sbin/fstrim --all ; reboot
Após o computador reiniciar, ele deverá estar com um desempenho melhor do que estava quando você estava tentando usar o Ubuntu.
« Última modificação: 20 de Julho de 2021, 22:52 por Sampayu »
Yuri Sucupira ("Sampayu")