Autor Tópico: Numa boa com meu Ubuntu... "Liberdade ainda que tardia"  (Lida 4598 vezes)

Offline Lucas_Panurge

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 117
  • ^^
    • Ver perfil
    • Gentle Traveller
Numa boa com meu Ubuntu... "Liberdade ainda que tardia"
« Online: 22 de Janeiro de 2007, 22:59 »
A minha experiência com GNU/Linux e Software Livre se resume nessa frase que se encontra na bandeira de Minas Gerais, "Libertas quae sera tamen", mais ou menos isso, cuja tradução é "Liberdade ainda que tardia", que Richard Stallman bradou ao saber o significado, no FISL do ano passado, por causa da visita dos funcionários da Micro$oft...

Ah a Micro$oft, que eu nunca simpatizei desde meus primeiros contatos com computador, desde o longínquo 26 de Dezembro de 1996, quando minha casa recebia o seu primeiro PC... não gostava muito dos travamentos do windows, e até 2003, só sabia de linux por causa das distribuições inclusas nas edições da PC Master, da Editora Europa, só q meu tio só comprava a "Revista do CD Rom", e só lia na parte de outros lançamentos de tal editora sobre o linux... até q em uma conversa com um amigo do meu tio, que manja demais de informática e computadores, em uma conversa sobre tal assunto, falou sobre o Linux, que era imune à virus, era estável e tal, aí q veio a pergunta derradeira: "roda os programas do windows?"; a resposta vocês já sabem, mas não acabou por aí: eu determinei q quando o Linux rodar programas Bluindow$ (esse cara me falou dessa alcunha "carinhosa" que norte-americanos despejaram no meu ex-SO, se é que podemos chamá-lo de Sistema Operacional, por causa da velha BSOD), eu largava o tio Bill na hora!

Depois disso, por incrível que pareça, nem me interessei em saber se já tinha tal suporte, pq eu subestimava a capacidade das alternativas Livres, sequer eu sabia que elas existiam, no máximo tive um contato ruim com o gimp, numa versão q se nao me engano, era uma daquelas 1. alguma coisa... isso até Agosto de 2006, em que não me lembro como, mas eu abri um site sobre Linux, o VivaOLinux.com.br, em q eu via screenshots e via como era bonito o linux, isso pq eu só tinha visto uma vez, em uma matéria da "Revista do CD-ROM" de 1999 sobre SL, e vi uma screenshot do Linux, um RedHat com Gnome antigão, eu só me importava msm com o suporte a programas do W$.

Vi que o milagroso suporte já existia, só q na versão beta, mas o que fez me interessar mesmo foi as alternativas livres, que eu vi no fórum gimp.com.br, aí fui na banca de revistas mais próxima e fui procurar as revistas, e comprei uma com o manual do kurumin e outra com o Ubuntu 5.10 com cd... comprei outro dia um livrinho com alguns comandos de linux... só que eu tinha q estudar pra primeira prova do vestibular, aí disse que depois que eu fizesse essas provas, eu me livrava do Tio Bill... as revistas que comprei, lia de cabo a rabo, várias vezes, os sites eu lia muito, via as screenshots do vivaolinux.com.br. Resumindo: eu fiquei uns 5 meses só na vontade de instalar Linux.

Passou esses 5 meses e a prova, formatei meu PC e coloquei o Ubuntu Breezy... detalhe, era dia 9 de Dezembro de 2006, o edgy já tinha se não me engano um mês de lançamento, aí que lascou tudo, pq o sistema era ótimo, configurava minha internet, mas os programas antigos eram q incomodavam, eu instalei uns novos por deb e zicou o sistema... até tinha gravado o xubuntu dapper, mas eu caí na burrice de não checar falhas, "sorte" que eu tinha o Kurumin, na ultima versão, minha última cartada... não gostei do Kurumin por vários motivos, era meio pesado, instável e o KDE não tinha o recurso de configurar minha internet, há até um script do morimoto q "permitia", mas faltavam algumas opções e minha net não rodou satisfatoriamente... isso pq eu achava q tinha lido o suficiente, aí resolvi voltar pro Ruindow$, pq tinha outros problemas para resolver.

Eu resolvi fazer um curso de Linux, mas depois do curso de manutenção de micros, mas a escola não tinha o curso de linux, então resolvi aprender na marra mesmo, sozinho.

Dia 20 de Janeiro de 2007, eu acordei e mandei meus pais fazerem os backups necessários, eu fiz os meus e formatei pra instalar o xubuntu edgy, q por sua vez, chequei pra ver se estava tudo certinho... e estava... instalei e foi mó emoção quando o menu de login apareceu, digitei username e senha... até lá eu fiquei com medo de problemas, pq iria instalar os codecs pelo tutorial de multimidia do galactus :D... mas a cada apt-get eu me sentia mais solto e seguro, mais LIVRE!

Hoje, 22 de Janeiro de 2007, três dias só de alegria com meu Ubuntu, Xfce, Python Solitaire, Frozen-Bubble, aMule, X-Chat, o BMP e o VLC, o fantástico Synaptic e o terminal.

Espero que venham muitos dias, meses, anos ótimos e livres com meu Ubuntu, os meus agradecimentos à comunidade que sempre contribui, agora eu sou membro dela e estou sempre que podendo e ganhando conhecimento, ajudando a galera.
gtalk: lucas.pan@gmail.com
icq: lucasspan
GNU/Linux User #440333

Offline clcampos

  • Administrador
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 10.790
  • .:: User Linux #439596 ::.
    • Ver perfil
Re: Numa boa com meu Ubuntu... "Liberdade ainda que tardia"
« Resposta #1 Online: 23 de Janeiro de 2007, 11:36 »
SignoreBartolomeo, é bom ter mais um usuário usando Linux!

Usar linux não é apenas usar o computador, sem saber o que esta acontecendo, é ter total poder sobre ele, as vezes você terá problemas, não conseguirá instalar seus programas, ou seu sistema poderá ficar instável, mas eu ouvi uma frase de um amigo uma vez e levo ela comigo:

Citar
Olha para usar Linux você tem que quebrar paradigmas, tem que esquecer da palavra reinstalar, se seu sistema parou, se esta com algum problema resolva-o, re-formatar é coisa Windows!!!

Pois é, depois disto nunca mais reformatei uma máquina por causa de um problema, já até o formatei, mas para partir com outra distro do zero. Tenho hoje o Dapper instalado na minha máquina, e a um bom tempo, não tenho mais problemas de queda de performace com o tempo de uso, não tenho problemas de travamento, não tenho problemas com vírus, acabou aquela sina de  reformatar devido a de vírus, malware, queda de performace, e etc, etc, etc que tanto sofri.

Boa sorte para você nessa nova jornada, e não esqueça que faz parte desta comunidade, é aqui que você vai encontrar apoio e é aqui que você poderá dar apoio aos que precisam... Não sou cadastrado no fórum a muito tempo, mas sinto-me bem a vontade para dizer que estamos em casa!!!
Cristiano/Timóteo - MG
.: Como Fazer Perguntas de Forma Inteligente :.                
Com dúvida? pesquise!

Offline Coiote

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 340
    • Ver perfil
Re: Numa boa com meu Ubuntu... "Liberdade ainda que tardia"
« Resposta #2 Online: 24 de Janeiro de 2007, 01:25 »
Citar
Vi que o milagroso suporte já existia, só q na versão beta, mas o que fez me interessar mesmo foi as alternativas livres, que eu vi no fórum gimp.com.br, aí fui na banca de revistas mais próxima e fui procurar as revistas, e comprei uma com o manual do kurumin e outra com o Ubuntu 5.10 com cd... comprei outro dia um livrinho com alguns comandos de linux... só que eu tinha q estudar pra primeira prova do vestibular, aí disse que depois que eu fizesse essas provas, eu me livrava do Tio Bill... as revistas que comprei, lia de cabo a rabo, várias vezes, os sites eu lia muito, via as screenshots do vivaolinux.com.br. Resumindo: eu fiquei uns 5 meses só na vontade de instalar Linux.

Legal. Se todo mundo que quer conhecer o linux lesse um pouquinho sobre o linux e sobre a distribuição que ele pretende instalar as coisas seriam bem mais fáceis.Eu mesmo levei 1 mês lendo tudo que era possivel sobre o linux antes de partir para instalação.Já se passaram 6 Mêses de total satisfação com o ubuntu. E realmente a beleza  dos desktops do linux foi a primeira coisa que me chamou a atenção.