Autor Tópico: Hackers atacam máquina do fim do mundo  (Lida 22780 vezes)

Offline carlosaluisio

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 554
  • Só o capitalismo salva!
    • Ver perfil
Re: Hackers atacam máquina do fim do mundo
« Resposta #30 Online: 15 de Setembro de 2008, 08:54 »
Se o pessoal começar a pensar dessa forma, vão acabar as cotas para negros, gays e deficientes físicos; ou o Bolsa Família; tem coisas que, pra funcionar, tem que dar um empurrão, senão emperra... Não acho que as pessoas que estão morrendo de fome, de guerras e de doenças por lá vão concordar com esse pensamento...

Citar
dar o peixe ensina as pessoas a ter uma mentalidade pedinte .... o progresso nunca pode parar.


Òbvio que nao. Quem nao quer ganhar as coisas de graça ? Dá uma vez, vão querer a 2a, a 3a.... e assim por diante

O fato é que, há 50 anos atrás, a Ásia e a África eram extremamente pobres, sendo que a Ásia era ainda mais pobre. Os países mais pobres do mundo eram o Camboja, Laos, Cingapura....

E hoje ?? Somente o Laos, a Mongólia e a Birmânia pararam no tempo. E a Asia decolou [não considerar Coreia do Norte].

Desde 1950 até hoje, A África recebeu ajuda de organismos internacionais na ordem de 8 a 10 vezes mais do que a Ásia, dependendo do país. E olha o que é a África hoje: Um continente riquissimo, cheio de recursos, e miserável.

Desculpe... mas já deram empurrão de mais na África.
Ah! E esse lance de cotas é a maior discriminação ao cidadão de bem, seja ele quem for.

Carlos
Ubuntu Lucid é 10 !!!

Offline kakita

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 285
    • Ver perfil
Re: Hackers atacam máquina do fim do mundo
« Resposta #31 Online: 15 de Setembro de 2008, 15:41 »
Tanto a Africa quanto o Brasil são países/continente riquissimos, tem terras excelente clima para turismo, e grandes riquesas como ouro e diamante, tambem tem o clima perfeito para plantações de certas iguarias que não se pode ter em mais lado nenhum e que podem ser exportados.

O problema são as pessoas que não aproveitam, ou melhor alguns aproveitam até demais e outros ficam na miseria, mas com a intervenção dos paises evoluidos agora está muito melhor, com o fim da guerra em angola o desenvolvimento é de dia para dia (vi um documentário sobre isso).

País pobre é portugal, que não tem nada de bom e o pior é que tanto o governo como as pessoas não ajudam nada.

Offline carlosaluisio

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 554
  • Só o capitalismo salva!
    • Ver perfil
Re: Hackers atacam máquina do fim do mundo
« Resposta #32 Online: 15 de Setembro de 2008, 18:06 »
Tanto a Africa quanto o Brasil são países/continente riquissimos, tem terras excelente clima para turismo, e grandes riquesas como ouro e diamante, tambem tem o clima perfeito para plantações de certas iguarias que não se pode ter em mais lado nenhum e que podem ser exportados.

O problema são as pessoas que não aproveitam, ou melhor alguns aproveitam até demais e outros ficam na miseria, mas com a intervenção dos paises evoluidos agora está muito melhor, com o fim da guerra em angola o desenvolvimento é de dia para dia (vi um documentário sobre isso).

País pobre é portugal, que não tem nada de bom e o pior é que tanto o governo como as pessoas não ajudam nada.

A insatisfação com a classe politica é algo mundial, não só brasileiro ou portugues. Aqui no Brasil, está se limpando muita coisa (é por isso que aparece todo o dia escândalos de corrupção... nao é porque só agora que tem..sempre teve, mas agora estão pegando). Existe uma tendência do mundo produzir políticos mais sérios, isso porque a população tá mais educada, tá mais instruída, e os políticos que delas saem também são de melhor qualidade. Mas esse processo ainda vai levar uns 50, 100 anos. Nada é de um dia para o outro.

E.. finalizando, de acordo com o tópico, que cada vez mais a humanidade invista neste tipo de experimento, pois assim progredimos. Distribuir comida e 1 real de graça pra cada um não é e nunca foi a solução, não adianta !

Carlos
Ubuntu Lucid é 10 !!!

Offline velox256

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 1.915
  • Debian é Debian... :)
    • Ver perfil
    • Linux Inside
Re: Hackers atacam máquina do fim do mundo
« Resposta #33 Online: 15 de Setembro de 2008, 19:18 »
Isso é uma discussão monótona, há esses tais grupos que se dizem discriminados e, dentro deles (e foras deles também, lógico), há quem defenda as cotas e há quem defenda que cada um consiga por seus próprios méritos. Só vemos comerciais de bebês e tal com negros pq há uma lei que obriga isso (pelo menos 80% dos comerciais são assim, basta ver os comerciais de creme dental ou de bebês, por exemplo); ou ônibus e prédios com acesso a deficientes; hj em dia qq um que se sentir ofendido por algum tipo de discriminação pode processar alguém.
Quem não liga pro sistema de cotas ou é muito esclarecido e vê nisso a igualdade entre todos, ou então é loiro, ou branco, ou tem grana no bolso e, portanto, não se enquadra no "perfil de coteiro". Conheço várias garotas que são morenas claras, com cabelo liso e sem as "características marcantes do negro" que aproveitaram esse lance de cotas para entrarem na universidade pois, se for fazer pelos meios próprios, não iria conseguir, seja por falta de capacidade ou por compra das vagas que, muitas delas sabemos, já tem dono. Há anos atrás eu fui acomentido de uma doença chamada Síndrome de Guillian-Barrét, fiquei um mês internado em um hospital público federal e depois tratado com imunoglobulina humana. Se eu não fosse branco, tenho quase certeza de que, hj, não estaria aqui digitando com as minhas mãos esse post.

Eu já tive o pensamento Romulano (de Jornada nas Estrelas, pra quem não estiver antenado) de que pessoas que nascessem com alguma deficiência deveriam ser sacrificadas para não desperdiçar tempo e recursos com crianças problemáticas. Mas a gente pensa assim até que isso aconteça com a gente e faz com que percebamos que não há nada mais humano do que a caridade. Às vezes, pra pessoa se sustentar por si mesma, pode precisar de anos de suporte. Nós aqui mesmo ensinamos usuários a usar o Ubuntu e o Linux em geral, somos uma minoria unida em prol de um ideal, é isso o que conta...


Citar
Ah! E esse lance de cotas é a maior discriminação ao cidadão de bem, seja ele quem for.
Computador perereca, com disco perereca, monitor perereca e sistema super xuxu. Visitem a minha página em http://sidserra.k6.com.br ou meu blog em http://sidserra.blogspot.com.br.

Offline marcospinho

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 195
  • Sou um cara gaiato que tenta ser levado a sério.
    • Ver perfil
Re: Hackers atacam máquina do fim do mundo
« Resposta #34 Online: 16 de Setembro de 2008, 14:32 »
o que isso tem a ver com os hackers e a maquina do fim do mundo?
celeron 2.66Ghz, 1G Ram, DVDrw monitor AOC 17pol, HDsata500g, L-Ubuntu Maverick-i386, /root 20G /home 50G /win 40G /win7 50G /dados 20G /teste(nathy+Kde) 15G /acervo 220G  Linux Counter #478143. Ubuntu counter is # 24448

Offline Gladder

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 83
  • ~ Indiana Tux ~
    • Ver perfil
Re: Hackers atacam máquina do fim do mundo
« Resposta #35 Online: 16 de Setembro de 2008, 15:20 »
o que isso tem a ver com os hackers e a maquina do fim do mundo?

Alguém questinou se não seria melhor utilizar o dinheiro gasto no acelerador para outras coisas. Então começou-se uma discussão se devemos dar comida/dinheiro aos pobres. E finalmente passaram para a polêmica das cotas.

O tópico desviou um pouco do assunto...  ;D

Offline agente100gelo

  • Administrador
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 4.369
  • @Ceará
    • Ver perfil
Re: Hackers atacam máquina do fim do mundo
« Resposta #36 Online: 16 de Setembro de 2008, 15:27 »
O tópico desviou um pouco do assunto...  ;D

Um pouco???? :)
Advogado e analista de sistema cearense.
Twitter: @glaydson

Offline velox256

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 1.915
  • Debian é Debian... :)
    • Ver perfil
    • Linux Inside
Re: Hackers atacam máquina do fim do mundo
« Resposta #37 Online: 16 de Setembro de 2008, 17:02 »
Não acho que isso seja desvio de assunto, aqui é um local de descontração e, assim como qq papo de esquina, a conversa acaba evoluindo para outros que não o original, isso mostra a inteligência dos participantes, que até agora não perderam a paciência uns com os outros... Pelo que parece, Alcatraz vai receber mais um 'morador', hehehe...
Computador perereca, com disco perereca, monitor perereca e sistema super xuxu. Visitem a minha página em http://sidserra.k6.com.br ou meu blog em http://sidserra.blogspot.com.br.

Offline twelvetribes

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 135
  • Jah Rasta I-tes
    • Ver perfil
    • Pagina pessoal
Re: Hackers atacam máquina do fim do mundo
« Resposta #38 Online: 17 de Setembro de 2008, 22:08 »
Essas discussões são o paradigma da egoismo. O egoismo é protegido por lei na instituição da inviolabilidade da imagem. Todos nós temos direito de ser egoísta, agora principalmente os negros e aqueles que, como eles, foram atacados covardemente nas suas culturas.

Uma consideração [que espero que seja levada em conta pelos moderadores]:
Nossa conversa é plural, o assunto é uma problemática que se apresenta configurada como dialética. Nesse sentido seria ignorância pensar que se deve falar apenas do "tema" do tópico, quando a problemática tem implicações e abordagens. muito mais fractais do que se supõe. Isso reflete uma complexidade.

Duas notícias:

1-A Europa fala do apoio dos governos brasileiro e chileno às economias dos países sulamericanos na sua recuperação dos cataclismas históricos.

2-A tecnologia é o novo trunfo do país: A segurança pública e o controle fiscal e tributário estão se tornando verdadeiras fortalezas supercoordenadas. Todos estamos preocupados [apavorados] com o impacto sobre as velhas estruturas. Os ratos estão saindo das tocas do descaso de décadas de impunidade. Impunidade que acontecia devido à ineficiência da fiscalização que foi aprimorada com os sistemas de informação.

Se o propósito é redirecionar a conversa [como se o caminho reto fosse a única e dogmática concepção de direção em detrimento de toda relatividade] reforço a importância do assunto "segurança mundial" que é o intuito de nossa atividade na terra para a humanidade.


Offline agente100gelo

  • Administrador
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 4.369
  • @Ceará
    • Ver perfil
Re: Hackers atacam máquina do fim do mundo
« Resposta #39 Online: 18 de Setembro de 2008, 10:28 »
Só para esclarecer: não há da minha parte nenhum motivo para trancar este tópico que, apesar de tratar de alguns assuntos polêmicos, tem se portado de forma cordial e respeitosa, independente do caminho que siga. O próprio questionamento do porquê da mudança de assunto faz parte de um debate.
Advogado e analista de sistema cearense.
Twitter: @glaydson

Offline velox256

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 1.915
  • Debian é Debian... :)
    • Ver perfil
    • Linux Inside
Re: Hackers atacam máquina do fim do mundo
« Resposta #40 Online: 19 de Setembro de 2008, 07:16 »
Cumpadi, não pude deixar de lhe dar os parabéns, vai escrever bem assim lá na casa do carvalho, enquanto a gente vê por aí (eu disse POR AÍ e não POR AQUI...) uns pela-sacos escrevendo sem vírgula, ponto, acento, com letras faltando ou em excesso ou sem um mínimo de pontuação nas frases, separando umas das outras, de vez em qdo a gente lê um post assim que dá gosto de ler, hehehe... "o assunto é uma problemática que se apresenta configurada como dialética" nem o meu chefe, que é metido a escrever bonito, faria melhor...


Essas discussões são o paradigma da egoismo. O egoismo é protegido por lei na instituição da inviolabilidade da imagem. Todos nós temos direito de ser egoísta, agora principalmente os negros e aqueles que, como eles, foram atacados covardemente nas suas culturas.

Uma consideração [que espero que seja levada em conta pelos moderadores]:
Nossa conversa é plural, o assunto é uma problemática que se apresenta configurada como dialética. Nesse sentido seria ignorância pensar que se deve falar apenas do "tema" do tópico, quando a problemática tem implicações e abordagens. muito mais fractais do que se supõe. Isso reflete uma complexidade.

Duas notícias:

1-A Europa fala do apoio dos governos brasileiro e chileno às economias dos países sulamericanos na sua recuperação dos cataclismas históricos.

2-A tecnologia é o novo trunfo do país: A segurança pública e o controle fiscal e tributário estão se tornando verdadeiras fortalezas supercoordenadas. Todos estamos preocupados [apavorados] com o impacto sobre as velhas estruturas. Os ratos estão saindo das tocas do descaso de décadas de impunidade. Impunidade que acontecia devido à ineficiência da fiscalização que foi aprimorada com os sistemas de informação.

Se o propósito é redirecionar a conversa [como se o caminho reto fosse a única e dogmática concepção de direção em detrimento de toda relatividade] reforço a importância do assunto "segurança mundial" que é o intuito de nossa atividade na terra para a humanidade.


Computador perereca, com disco perereca, monitor perereca e sistema super xuxu. Visitem a minha página em http://sidserra.k6.com.br ou meu blog em http://sidserra.blogspot.com.br.

Offline carlosaluisio

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 554
  • Só o capitalismo salva!
    • Ver perfil
Re: Hackers atacam máquina do fim do mundo
« Resposta #41 Online: 19 de Setembro de 2008, 09:23 »
Quem não liga pro sistema de cotas ou é muito esclarecido e vê nisso a igualdade entre todos, ou então é loiro, ou branco, ou tem grana no bolso e, portanto, não se enquadra no "perfil de coteiro".


Citar
Ah! E esse lance de cotas é a maior discriminação ao cidadão de bem, seja ele quem for.

Está redondamente extremamente enganado
Ubuntu Lucid é 10 !!!

Offline felipeborges

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 651
    • Ver perfil
    • felipe@borges:~# Liberdade não tem Preço!
Re: Hackers atacam máquina do fim do mundo
« Resposta #42 Online: 19 de Setembro de 2008, 12:40 »
Quem não liga pro sistema de cotas ou é muito esclarecido e vê nisso a igualdade entre todos, ou então é loiro, ou branco, ou tem grana no bolso e, portanto, não se enquadra no "perfil de coteiro".


Citar
Ah! E esse lance de cotas é a maior discriminação ao cidadão de bem, seja ele quem for.

Está redondamente extremamente enganado

Eu acho que é necessário por agora, mais que no futuro não precisaremos de cotas para entrar nas universidades. Acho que as cotas foram mal formuladas, levando etnia em primeiro lugar, ao contrario do que seria mais correto, cotas para classes sociais.
É uma espécie de dívida que o governo tem conosco (povo descendentes de escravos), como se estas atitudes fossem suprir o que nossos ancestrais sofreram. Meus bisavos (pais dos meus avos) não foram indenizados pelo que sofreram, hoje o governo tenta "pagar/comprar" o sofrimento, coisa que não se resume em um pedido de desculpas. E sim, ignorância da história.

Bem, assuntos relacionados a parte  ;) ,  creio que o dinheiro foi bem investido, apesar de que se houverem bons resultados, somente poucos irão se beneficiar disto, mais fatos assim no mundo nós já estamos acostumados! (infelizmente).
Meu blog sobre GNU/Linux
Debian Lenny e Gentoo.

Offline carlosaluisio

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 554
  • Só o capitalismo salva!
    • Ver perfil
Re: Hackers atacam máquina do fim do mundo
« Resposta #43 Online: 19 de Setembro de 2008, 13:35 »

Eu acho que é necessário por agora, mais que no futuro não precisaremos de cotas para entrar nas universidades. Acho que as cotas foram mal formuladas, levando etnia em primeiro lugar, ao contrario do que seria mais correto, cotas para classes sociais.


Condordo em parte.... seria atestar a incapacidade da escola pública. Cotas ? Sou contra e com argumentos decisivos


É uma espécie de dívida que o governo tem conosco (povo descendentes de escravos), como se estas atitudes fossem suprir o que nossos ancestrais sofreram. Meus bisavos (pais dos meus avos) não foram indenizados pelo que sofreram, hoje o governo tenta "pagar/comprar" o sofrimento, coisa que não se resume em um pedido de desculpas. E sim, ignorância da história.


Se formos levar isso como dívida, deveríamos cobrar indenização dos Romanos... Opa! Dos Gregos ?? Melhor, dos Persas... ou talvez até mesmo de todo o Governo do Egito. Paralelamente, algumas etinias africanas poderiam cobrar de outras, assim como as asiáticas.... até mesmo grande parte da população mexicana, poderia tentar achar algum que fosse descendente de Astecas, e cobrar a dívidas das tribos pré-colombianas escravizadas por eles. Opa !! Até a Bíblia, que alguns acreditam ter sido escrita por inspirações divinas, no velho e no novo testamento, ensina como se deve tratar, e até mesmo açoitar escravos !!


Bem, assuntos relacionados a parte  ;) ,  creio que o dinheiro foi bem investido, apesar de que se houverem bons resultados, somente poucos irão se beneficiar disto, mais fatos assim no mundo nós já estamos acostumados! (infelizmente).


Escravidão foi algo que sempre existiu, em qualquer cultura. Porém, nossa evolução como ser humano e civilização, que ocorre a cada dia, acabou com esse mal. E existem muitos outros para acabar. Separar qualquer grupo de sociedade, hoje, por etnia, é aumentar ainda mais a segregação. Claro, tudo isso é instrumento político (nao pensa que político age para o bem, e nem para o mal (salvo quando são corruptos), político age para o voto nas eleições próximas).
« Última modificação: 19 de Setembro de 2008, 13:37 por carlosaluisio »
Ubuntu Lucid é 10 !!!

Offline marcospinho

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 195
  • Sou um cara gaiato que tenta ser levado a sério.
    • Ver perfil
Re: Hackers atacam máquina do fim do mundo
« Resposta #44 Online: 19 de Setembro de 2008, 15:06 »
quando se trata de cobrar dividas históricas é claro que deve cobrar de quem pode pagar em favor de quem pode recebê-las, é bom lembrar que os que estão por baixo na linha da pobreza são vitimizados e pagam com sofrimento o conforto de quem está por cima as quotas tem a propriedade de inverter essa lógica mesmo que tenham que ser revistas periodicamente para que a sociedade avalie se elas já cumpriram a sua finalidade. E se alguém está ganhando politicamente com isso é também um sinal de mudança de mentalidade ou é de se ignorar que há algum tempo o prestigio de um homem era medido pela quantidade de escravos tinha em casa ou pela quantidade de homens que ele matava?
celeron 2.66Ghz, 1G Ram, DVDrw monitor AOC 17pol, HDsata500g, L-Ubuntu Maverick-i386, /root 20G /home 50G /win 40G /win7 50G /dados 20G /teste(nathy+Kde) 15G /acervo 220G  Linux Counter #478143. Ubuntu counter is # 24448