Autor Tópico: Canonical não gosta das distros "*buntu" não oficiais?  (Lida 3756 vezes)

Offline 0tacon

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 439
    • Ver perfil
Canonical não gosta das distros "*buntu" não oficiais?
« Online: 16 de Setembro de 2008, 04:22 »
 Pessoal, esta eu fiquei sabendo lendo o semanal do DistroWatch. Aparentemente, esta história começa com o Ubuntulite, mais uma distro dentre as muitas baseadas em ubuntu que usam um logotipo e um nome que lembra (e muito) o Ubuntu ou uma de suas variantes oficiais. O líder do projeto do ubuntulite recebeu um e-mail de um membro da equipe de direitos autorais da Canonical dizendo que a empresa é proprietária de várias Marcas Registradas, e estas incluem Ubunru, Kubuntu, Xubuntu e Edubuntu. Estas Marcas Registradas incluem os nomes (em texto) e os logotipos.
 "Nós tentamos definir uma política de Marca Registrada razoável que possibilite às pessoas customizarem o Ubuntu, e usar as marcas para promover o projeto enquanto preservamos a integridade das marcas", afirma o tal membro da equipe de Marca Registrada da Canonical, identificada apenas como Michelle. "Nos termos de nossa política de marca registrada, você não pode usar os logotipos de Ubuntu, Kubuntu, Xubuntu e Edubuntu em combinação com outras marcas ou logotipos. Seu projeto está usando o Logotipo do Kubuntu junto com o nome de seu projeto Ubuntulite e isto é quebra de nossa marca registrada. O nome de seu projeto, Ubuntulite, também não está de acordo com nossa política de Marca Registrada. Nós incentivamos as pessoas a fazer versões cusomizadas do Ubuntu, e nós asseguramos o conceito de "remix" para possibilitar o uso da Marca Registrada se as mudanças são mínimas ou incluir apenas software dos repositórios do Ubuntu. Está tudo bem em hospedar repositórios e distribuir o software - o problema é que você está anexando a marca, a qualidade e a garantia das marcas Ubuntu em algo que não é Ubuntu. Nós não teríamos problemas se você renomeasse seu projeto como Ubuntu Lite Remix, por exemplo. Sobre a URL,novamente há um problema, sendo que nas políticas de Marca Registrada nós não permitimos o uso do nome Ubuntu em um nome de domínio ou URL. Novamente, apreciamos seu entusiasmo pelo Ubuntu, porém, o nome e o logotipo de seu projeto precisa ser mudado", afirma também. É uma tradução livre de minha parte. O original, junto com a discussão da comunidade sobre o assunto, encontram-se em http://ubuntulite.tuxfamily.org/?q=node/171 .
 Sobre isso eu acho que há várias coisas a serem pensadas.
 - O DistroWatch afirma que em sua lista de espera há Elbuntu, Minibuntu, UbuntuiES, Estobuntu, Zebuntu, Ubuntu Rescue Mix, Bubuntu e Boxbuntu, além das já incluidas Fluxbuntu, nUbuntu, Ubuntu Christian Edition e Ubuntu Muslim Edition - sendo que a edição cristã tem a autorização da Canonical para o uso do nome. Será um exagero esta explosão de *buntus? Será que isto prejudica a marca da Canonical? Será que isto põe em risco o padrão de qualidade do Ubuntu, já que sendo este nome associado com algo possivelmente de baixa qualidade, o usuário pode associar o "*buntu não oficial" ao Ubuntu? Aliás, existe esta possibilidade de associação errônea?
 - Será que estas novas (muito novas) medidas de cumprimento de direitos autorais vai se extender às distros *buntu já conhecidas há algum tempo, como o fluxbuntu? Será que a canonical não vai poupar nem mesmo as distros cujo nome não se pareça em nada com *buntu, mas que usem um logotipo inspirado nos logos do Ubuntu (openGEU, por exemplo)?
 - Será que alguns sites e blogs que contém Ubuntu em sua URL serão forçados a mudar ou fechar? Coloquei esta em destaque porque parece ser a mais crítica e ao mesmo tempo improvável. Façam uma busca no google como blog ubuntu, e encontrarão uma série de blogs com "ubuntu" na URL em diversas línguas.
 - Será que a comunidade GNU/Linux vai ficar revoltada com estas medidas da canonical? Também acho esta possibilidade pouco relevante. Afinal, não é verdade que alguns "xiitas" do Debian já não gosta da gente de qualquer jeito?
 A informação que eu usei de base para este tópico eu encontrei aqui http://distrowatch.com/weekly.php?issue=20080915 (é leitura de rotina para muitos aqui, eu aposto). Se acharem que eu traduzi alguma coisa errada, por favor corrijam.
« Última modificação: 17 de Setembro de 2008, 19:18 por 0tacon »


Offline velox256

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 1.915
  • Debian é Debian... :)
    • Ver perfil
    • Linux Inside
Re: Canonical não gosta das distros "*buntu" não oficiais?
« Resposta #1 Online: 16 de Setembro de 2008, 06:54 »
Olha, eu acho que está certa sim, por duas razões, a primeira é óbvia, nego pode pegar a fama que o Ubuntu está conquistando e começar a ganhar dinheiro em cima disso, ou seja, faz um Ubuntu Ultra Edition com base (bota aí uns 95%) no Ubuntu e só uns 5% de inspiração também possivelmente chupado de outro local e pronto, basta ver o exemplo do tal Famelinux (ou Linux Fenix, sei lá) e como o pessoal espinafrou a distro, tanto de lá pra cá qto daqui pra lá.
A outra razão é mais óbvia ainda, pra evitar a "sabotagem" da distribuição. Vem uma empresa dessas de montagem de máquinas e DIGAMOS que ela coloca uma distro chamada "Ubuntu Positivo" cheio de funcionalidades nativas substituídas por soluções próprias (que é o que as montadoras fazem) que estragam completamente a distro original, com logo do Ubuntu e um sinal de " + " no mei dele; vende 100 milhões dessas máquinas e todos que adquiriram as máquinas ficaram possessos com o Linux que estava lá e substituíram por Windows ou por outra distro de Linux, o quê vai acontecer? A distro vai ficar mal falada com nego dizendo que "Ubuntu é soda", generalizando que o Ubuntu seria ruim de um modo geral e não aquela distro em particular toda capenga que fizreram pra venderem as máquinas.
Não acredito que seja "xiitagem" da Canonical, ela está apenas se defendendo de eventuais sabotagens - intencionais ou não - que podem ocorrer com distros do tipo costumizadas. E eu sou também usuário de Debian e não falo mal do Ubuntu, muito pelo contrário, hehehehe...
« Última modificação: 16 de Setembro de 2008, 11:06 por velox256 »
Computador perereca, com disco perereca, monitor perereca e sistema super xuxu. Visitem a minha página em http://sidserra.k6.com.br ou meu blog em http://sidserra.blogspot.com.br.

Offline sylvester

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 545
    • Ver perfil
Re: Canonical não gosta das distros "*buntu" não oficiais?
« Resposta #2 Online: 16 de Setembro de 2008, 07:55 »
Olha, eu acho que está certa sim, por duas razões, a primeira é óbvia, nego pode pegar a fama que o Ubuntu está conquistando e começar a ganhar dinheiro em cima disso, ou seja, faz um Ubuntu Ultra Edition com base (bota aí uns 95%) no Ubuntu e só uns 5% de inspiração também possivelmente chupado de outro local e pronto, basta ver o exemplo do tal Famelinux (ou Linux Fenix, sei lá) e como o pessoal espinafrou a distro, tanto de lá pra cá qto daqui pra lá.
A outra razão é mais óbvia ainda, pra evitar a "sabotagem" da distribuição. Vem uma empresa dessas de montagem de máquinas e coloca uma distro chamada "Ubuntu Positivo" cheio de funcionalidades nativas substituídas por soluções próprias (que é o que as montadoras fazem) que estragam completamente a distro original, com logo do Ubuntu e um sinal de " + " no mei dele; vende 100 milhões dessas máquinas e todos que adquiriram as máquinas ficaram possessos com o Linux que estava lá e substituíram por Windows ou por outra distro de Linux, o quê vai acontecer? A distro vai ficar mal falada com nego dizendo que "Ubuntu é soda", generalizando que o Ubuntu seria ruim de um modo geral e não aquela distro em particular toda capenga que fizreram pra venderem as máquinas.
Não acredito que seja "xiitagem" da Canonical, ela está apenas se defendendo de eventuais sabotagens - intencionais ou não - que podem ocorrer com distros do tipo costumizadas. E eu sou também usuário de Debian e não falo mal do Ubuntu, muito pelo contrário, hehehehe...
Não tem nada a ver com alguém ganhar dinheiro à custa do Ubuntu. O próprio Ubuntu é 95% Debian, portanto não é por aí.
O problema está mais no uso do nome que como qualquer marca registrada, tem de ser protegido - seja uma distro Linux, seja uma marca de sapatos ou automóveis.
Quando alguém quer fazer uma distro com base no Ubuntu, como o Big Linux, Linux Mint ou até mesmo agora o kurumin não deve usar os logotipos do Ubuntu e como foi mencionado se usar o nome ubuntu deve colocar junto a palavra remix para salientar que não é uma distro oficial do Ubuntu.
Além de justo, tem base legal

http://opensourceformac.blogspot.com/                                      http://easyubuntulinux.blogspot.com/

Offline velox256

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 1.915
  • Debian é Debian... :)
    • Ver perfil
    • Linux Inside
Re: Canonical não gosta das distros "*buntu" não oficiais?
« Resposta #3 Online: 16 de Setembro de 2008, 09:07 »
Eu sei que o Ubuntu é 95% Debian, mas o Ubuntu tomou um rumo próprio no seu desenvolvimento, com pacotes próprios e tal, mas deixa pra lá, talvez eu tenha exagerado nessa de ganhar dinheiro em cima do Ubuntu ou dele (o Ubuntu) querer se blindar de distros podres baseadas nele...
Computador perereca, com disco perereca, monitor perereca e sistema super xuxu. Visitem a minha página em http://sidserra.k6.com.br ou meu blog em http://sidserra.blogspot.com.br.

Offline carlosaluisio

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 554
  • Só o capitalismo salva!
    • Ver perfil
Re: Canonical não gosta das distros "*buntu" não oficiais?
« Resposta #4 Online: 16 de Setembro de 2008, 10:45 »
Eu sei que o Ubuntu é 95% Debian, mas o Ubuntu tomou um rumo próprio no seu desenvolvimento, com pacotes próprios e tal, mas deixa pra lá, talvez eu tenha exagerado nessa de ganhar dinheiro em cima do Ubuntu ou dele (o Ubuntu) querer se blindar de distros podres baseadas nele...

Não exagerou nao... Para mim, falou o que é certo
Ubuntu Lucid é 10 !!!

Offline tizé das coives

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 27
    • Ver perfil
Re: Canonical não gosta das distros "*buntu" não oficiais?
« Resposta #5 Online: 16 de Setembro de 2008, 11:00 »
ece buntu é milhor ko ubuntu?

Offline velox256

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 1.915
  • Debian é Debian... :)
    • Ver perfil
    • Linux Inside
Re: Canonical não gosta das distros "*buntu" não oficiais?
« Resposta #6 Online: 16 de Setembro de 2008, 11:07 »
Em vez de "coloca uma distro chamada Ubuntu Positivo" entenda "E DIGAMOS que coloque uma distro chamada Ubuntu Positivo"; a distro não existe, foi apenas uma suposição... :)


ece buntu é milhor ko ubuntu?
Computador perereca, com disco perereca, monitor perereca e sistema super xuxu. Visitem a minha página em http://sidserra.k6.com.br ou meu blog em http://sidserra.blogspot.com.br.

Offline Chucknoris

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 131
  • Linux for human beings!
    • Ver perfil
Re: Canonical não gosta das distros "*buntu" não oficiais?
« Resposta #7 Online: 16 de Setembro de 2008, 23:42 »

A não ser que o logotipo e o nome tamem recebam licença tipo gpl ou similar, sendo marca registrada a canonical esta certa de não gostar!!!

Com certeza estão agindo de má fé, pois basta citar que a distro é baseada no Ubuntu, usar o logotipo e o nome é meio infantil, eu não dou credito para uma distro dessa!!!

Por exemplo o cara pega personaliza o ubuntu, cria um tema azul e lança como distro Ubuntazulão, sendo que bastava ele lançar seu tema para o gnome ou até mesmo para o Ubuntu !!! As vezes não existe o motivo para criar uma nova distribuição !!! E na minha humilde opinião, se não são capazaes de criar um nome, como vão criar uma nova distribuição sem relançar a mesma até com nome parecido?
« Última modificação: 16 de Setembro de 2008, 23:55 por Chucknoris »
Ubuntu user Number 15679
Linux User Number 448603