Autor Tópico: Casa de ferreiro, espeto de aço  (Lida 15187 vezes)

Offline mcorrea

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 8
    • Ver perfil
Re: Casa de ferreiro, espeto de aço
« Resposta #15 Online: 09 de Junho de 2009, 10:02 »
Lá em casa eu uso Ubuntu e minha esposa windows, isso aí parece não ter muito jeito, ela não quer trocar windows por linux nem que a vaca tussa, mas nesse fim de semana estive na casa dos meus sogros, e botei pra eles o ubuntu dividindo o hd c/ windows, isso porque minha sogra me pediu pra formatar o windows, o que já havia sido feito outras tantas vezes por outras pessoas, e ela meio que já esta de saco cheio disso.

Ela à primeira vista adorou o ubuntu e sua SIMPLICIDADE  :) :) , creio que em breve ela vai abandonar o windows "complicado, lento e travado" que ela já não aguenta mais. PC pra ela é internet e joguinhos de paciencia, então não há risco de ter que usar alguma função mais complexa do linux.

Offline BrunoGom3s

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 69
  • Ubuntu 11.04 ♥
    • Ver perfil
Re: Casa de ferreiro, espeto de aço
« Resposta #16 Online: 09 de Junho de 2009, 10:49 »
EUHuae, muito interessante esse tópico, eu já ia criando um antes de ver esse.

Meu pai sempre foi acustumado com o ruindows, porém ele reclamava muito p/ mim porque a internet tava lenta, vivia travando e demorava anos pra iniciar. Fiz o seguinte, aqui antigamente era Dual Boot, instalei somente o ubuntu 9.04. Ele gosta só de ficar em msn, gosta de jogar 'kinuca' também, rs, ler e-mails, ler arquivos, pdf, doc, e powerpoint, nisso o ubuntu já supri tudo. No começo ele reclamava bastante, não vou mentir, falta de adaptação, já se passaram 1 mês e meu coroa já está super acustumado, faz até elogios p/ mim, porque o sistema nunca mais deixou a desejar.


Forte abraços, é nois de ubuntu.
Vivendo e aprendendo.

Offline RamonB

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 423
  • Salvador, BA
    • Ver perfil
Re: Casa de ferreiro, espeto de aço
« Resposta #17 Online: 10 de Junho de 2009, 19:53 »

mas o seguinte é! quem aqui já conseguiu fazer seus familiares (coroas) migrarem para o nosso glorioso Linux?


Aqui em casa o problema não é com os "coroas" mas com os "novos". Eu tenho 57 anos e há 8 meses uso cada vez mais Ubuntu. Só uso Windows por causa de 3 programas e o faço através do VirtualBox (ainda tenho Windows instalado em dual boot mas já fazem mais de 3 semanas que não vou lá -- e as últimas vezes que fui, antes destas 3 semanas, foi para atualizar o banco de dados anti-vírus do AVG).

Só que eu não consigo convencer meus 2 enteados nem minha esposa a irem para o Ubuntu. Ela porque está acostumada (e adora... o Outlook Express!!!! Pode?) mas o Windows dela tem dado tanto pepino que nesta semana ela já falou que quer começar a usar o Ubuntu no meu notebook para ver como é (mas já perguntou se tem Outlook Express... *rs*).

Meus filhos, que não moram mais aqui em casa, também não querem nem ouvir falar e ainda tiram sarro quando eu faço propaganda do Ubuntu (um dia destes, não consegui falar via Skype com um deles e ele botou a culpa no Ubuntu -- só que depois ele descobriu que também não conseguiu falar com a namorada, e ambos têm Windows. Ou seja: o problema era com o notebook dele.).

Em resumo: eu concordo com os que disseram que é mais fácil convencer aqueles que estão começando de fato. Os "meeiros" que já se acostumaram com o Windows, sejam mais ou menos coroas, são mais difíceis de convencer.
Notebook: Dell Inspiron 15 5584, 8 GB RAM, 1 SSD 480 GB, 1 HD 1 TByte. Dual-boot Linux Mint Cinnamon 21.1 / Windows 11
Notebook Dell Inspiron 13 5301, 8 GB RAM, SSD 480 GB. Dual-boot Ubuntu Budgie 22.04 / Windows 11
Notebook Lenovo Thinkpad X201, 4 GB RAM, SSD 120 GB. Linux Mint XFCE 21.1

Offline Gleyson

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 19
  • Raposa Louca
    • Ver perfil
Re: Casa de ferreiro, espeto de aço
« Resposta #18 Online: 10 de Junho de 2009, 22:49 »
Aqui todos já estão libertos... antes mantinha o dual-boot, agora só o ubuntu.

Era linux ou vá pra lan!

Agora até meus tios estão aderindo.... cansaram de ouvir minha mãe falar que em casa nunca há problemas com o pc.

Ele pediram para por esta 'maravilha' em suas maquinas!!!

Offline rborowski

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 43
  • Ubuntu 14.10
    • Ver perfil
Re: Casa de ferreiro, espeto de aço
« Resposta #19 Online: 13 de Junho de 2009, 01:58 »
Taí, gostei do tópico. Aqui tenho múltiplo boot - Vista, XP e Ubuntu - no computador da sala. Porque? Minha sogra não sabe e não aprende de jeito nenhum a falar via Skype, então, quando minha esposa quer falar com ela tem que reiniciar o micro pra ir no XP ou Vista pra entrar no MSN... No início foi complicado, mas como criei um usuário pra minha filha de 4 anos com acesso somente para jogar aqueles joguinhos web pra meninas (maquiagem, corte de cabelo e sei lá o que mais), e outro pra minha esposa com os ícones dos programas que ela usa TODOS na área de trabalho, elas acabaram acostumando, e como o Ubuntu praticamente não trava, ganhei mais duas adeptas...  8)

Offline lugusto

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 0
    • Ver perfil
Re: Casa de ferreiro, espeto de aço
« Resposta #20 Online: 13 de Junho de 2009, 12:24 »
Amigos do Forum

Agora aqui em casa todos os computadores estão com o Ubuntu rodando lindo!
Eu sou analista de sistemas, trabalho com Linux a mais de 3 anos e só o meu PC tinha Linux. Sempre tinha que ouvir minha mãe reclamando que o computador dela estava ruim, lento, a conexão caia, abria várias janelas que ela não queria e claro sempre travando. Em um belo dia de sol eu resolvi acabar com essa porcaria que o Windows faz com nossa vida. Instalei o Ubuntu 8.10 no computador da minha mãe.
Falei para ela que iria resolver todos os problemas do computador dela e que tudo iria funcionar perfeitamente. realmente foi o que aconteceu. minha mãe é uma usuária totalmente leiga, utiliza o computador apenas para Orkut e MSN Messenger, duas pragas da internet, duas ferramentas que só trazem dores de cabeça. mas agora os meus problemas acabaram. nada de vírus, lentidão, travamento e muito mais.

mas o seguinte é! quem aqui já conseguiu fazer seus familiares (coroas) migrarem para o nosso glorioso Linux?

espero que este tópico seja interessante para vocês.

um abraço a todos.

Só depois da minha crise verborrágica criando outro tópico é que eu resolvi abrir esse (pelo título e quantia de posts parecia mais algum daqueles flamewars sobre "VOCÊ É EXTREMISTA EM TERMOS DE LICENÇAS MAS POSSUI CODECS PROPRIETÁRIOS E ADORA USAR O MONO!"). Bom, parece que estou passando por uma feliz experiência nesse sentido (ver aqui).

Offline Rojacone

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 138
    • Ver perfil
Re: Casa de ferreiro, espeto de aço
« Resposta #21 Online: 13 de Junho de 2009, 14:17 »
Aqui em casa foi ao contrário. Eu que sou "coroa" que comecei usando Ubuntu. A "garotada" detestou.
Hoje minha filha e meu genro não querem mais saber do Windows, mas continuam sem paciência de pesquisar e sempre me pedem para resolver as dúvidas. Já usam no Note o Insigne também.
Meu filho "ODEIA" Linux, tudo de ruim é por culpa do Linux. Vai abrir uma Lan House e nem pensar em Linux, infelizmente.
Trabalho numa prefeitura em que a rede vive contaminada, já estou quase convencendo aos responsáveis a colocar o Linux, mas vem o receio de quem vai cuidar dos problemas, se ninguém entende nada de Linux.
Sou uma usuária bastante experiente em XP, mas não troco o Ubuntu por nada.
No mundo existem 3 tipos de pessoas: os idiotas, os inteligentes e os sábios.
Os idiotas não aprendem nunca, os inteligentes aprendem com a própria experiência e os sábios aprendem com a experiência dos outros.
(provérbio chinês)

Offline clodoaldopsantos

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 12
    • Ver perfil
Re: Casa de ferreiro, espeto de aço
« Resposta #22 Online: 22 de Junho de 2009, 12:57 »
Minha tatica está sendo deixar o meu desktop cada vez mais personalizado, com icones, e programas faceis de usar.
Meu filho de 12 anos usa numa boa.
Minha esposa axa estranho, mas tbem axa bonito. (uso olinux mint, derivado do ubuntu)
Minha filha usa muito msoffice, mas botei broffice no note dela e agora que ja sabe usar vai ficar moleza usa linux tbem.

Offline RenatoMN

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 23
    • Ver perfil
Re: Casa de ferreiro, espeto de aço
« Resposta #23 Online: 24 de Junho de 2009, 04:05 »
Gostei do tópico!

Conheço o Linux já faz alguns anos. Inicialmente, utilizava em servidor, por um bom tempo, só sabia que ele era o responsável pela estabilidade embaixo de um cPanel ou Plesk. Então, com o passar do tempo, comecei a mexer em servidores "puros" e vi que, nas poucas vezes que tinha problemas com os painéis, a culpa era deles mesmo, e não do SO. Então passei a buscar painéis alternativos como o LxAdmin (hoje Kloxo), Webmin, etc.

Uso o linux ativamente no meu notebook (um Acer Aspire 5003 bem batido e com a porcaria da SiS 761MX!) desde fevereiro do ano passado. Foi até meio forçoso... o DVD-RW do note queimou e eu não estava com saco pra fazer aquela gambiarra com o pendrive bootável pra instalar o XP. Me diverti bastante, acabei gastando 10x mais tempo testando algumas distros. Cheguei a instalar até um CD velhão do extinto Tech Linux que eu tinha de uma revista PCLinux.

Vi a cara do Suse, Fedora, Mandriva, Ubuntu, Kubuntu, Xubuntu, Big Linux, DSL, Dreamlinux... acabei ficando com o Dreamlinux 3.0 (depois 3.1). Então por volta de julho do ano passado, instalei o Big Linux (se não me engano, 4.0 na época). Depois passei ao 4.2, onde fiquei por muito tempo. No início desse mês instalei o Ubuntu 9.04 64 bits. Depois de brigar com o driver da Linuxant para o meu modem por 2 dias, vim para o 32 bits. Não resolveu nada... o driver alsa deles não presta de forma alguma. Acabei me dando bem com o driver Smartlink (que só depois me dei conta: é o driver utilizado também no Big Linux).

Hoje utilizo CentOS 5.2 e 5.3, Debian 5.1 e Ubuntu 8.04 LTS em vários servidores, além do Ubuntu 9.04 64 bits em algumas máquinas potentes, que são acessadas através de pc baratos, praticamente thin clients (via FreeNX / NX Client). Fiz, inclusive, instalações presenciais do Centos 5.2 com LxAdmin e Debian 5.1 com DTC em servidores que ficam instalados em empresas aqui no Brasil.

Quanto à "conversão" de outras pessoas ao Linux, a família (meus pais) usam muito pouco. Minha mãe as 2 vezes que usou meu note até agora nem notou que era outro SO (só tinha posto a mão no Firefox umas 4 ou 5 vezes no Windows do PC do meu irmão, e foi no "mesmo" Firefox que ela mexeu no Big Linux do meu note). Meu irmão eu já tinha tentado converter uma vez, ele gostou bastante, ele tem a cabeça bem aberta, mas alguns jogos não rodaram através do Wine - ele até suportou 1 semana, depois chutou o balde e formatou o micro com o XP novamente. Agora que o VirtualBox tem suporte à OpenGL, na primeira oportunidade vou fazer um backup do (muitos) arquivos do PC dele e formatar com algum linux - talvez o Mint, só pra agilizar a instalação de algumas coisas - e virtualizar o XP pra ele jogar.

É isso... (preciso aprender a encurtar o papo) ;)

Offline pupio

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 13
  • Ubuntu 11.04
    • Ver perfil
Re: Casa de ferreiro, espeto de aço
« Resposta #24 Online: 07 de Outubro de 2009, 18:14 »
Que tópico genial!

Muito bom os depoimentos...

Aqui em casa roda o Ubuntu 9.04, soberano desde a versão 8.04. A minha esposa nunca reclamou, e para meu espanto, ela de vez em quando muda algumas preferências (temas, firefox, ...). Acho que eu nunca vou ver ela mexendo num terminal, mas já é bom de mais não ouvir reclamação. A minha enteada também não reclamou.

Abraço.