Autor Tópico: O Linux é difícil, mas dizer a verdade não convém  (Lida 81970 vezes)

Offline max064

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 39
    • Ver perfil
O Linux é difícil, mas dizer a verdade não convém
« Online: 20 de Outubro de 2009, 13:42 »
Bem, desde 2003 eu uso distros Linux, esporadicamente, por diversão.
Mas, vou deixar de história e ir direto ao ponto.


Faz algumas semanas que estou tentando me dedicar a maior parte do tempo ao Linux, mas a cada dia só aparecem problemas:

http://ubuntuforum-br.org/index.php/topic,57355.msg325735.html
(só resolvi reinstalando e agora possuo duas instalações do Ubuntu)

Depois, vieram mais dores de cabeça.
http://ubuntuforum-br.org/index.php/topic,56885.msg326778.html#msg326778

http://www.vivaolinux.com.br/topico/Iniciantes-no-Linux/O-que-e-sudo-etc-sudoers-is-mode-0777-should-be-0440/

http://ubuntuforum-br.org/index.php/topic,57682.0.html
(Neste aqui, um usuário faz piada com a situação.)

http://www.vivaolinux.com.br/topico/Iniciantes-no-Linux/Nao-foi-possivel-localizar-ou-executar-o-script-de-sessao-base.-(ao-iniciar)/

Tem mais:
1)Dizem os leigos que o Linux reconhece todo o hardware automaticamente.
A verdade: cliquei no menu administração> vídeo e baixei o driver da Nvidia. Mesmo assim, não vejo opção pra mandar a imagem pra TV.
No Windows, inseri o CD do fabricante, instalei, reiniciei e cliquei no ícone: vídeo, clone. Instantaneamente a imagem foi clonada.

2)No Ubuntu, dizem que o adicionar/remover resolve tudo.
A verdade: tentei desinstalar o openoffice e ele avisa que só pode ser pelo synaptic. Eu quis também desinstalar o Firefox e recebi a mesma coisa.
Então pra que serve esse adicionar/remover, no fim das contas?? É só enfeite?

3)Ao clicar no Synaptic, aparece na barrinha inferior: "iniciando aplicação...". Dura 5 ou 6 segundos e desaparece. Perguntei no fórum e disseram que tenho que digitar synaptic no terminal. Logo eu que detesto digitar comandos e fui iludido com a história de que ATUALMENTE não é preciso digitar nada no terminal.
Muito bem. De qualquer maneira, tenho feito isso. Digito a palavra e ele abre normalmente. Porém, o terminal avisa que o tema Win2Vista está causando problema. Adorei o tema e vou ter que desinstalar???

4)Perguntei em vários lugares e percebo um sonegamento de informação a respeito de como se logar como root e permanecer dessa forma.
Não gosto de digitar senhas o tempo todo e levando ao pé da letra a frase do Viva o Linux, "porque nós adoramos a liberdade", quero usar o Ubuntu livremente.

5)É extremamente difícil entender erros em código. O que é 0777??

6)É extremamente difícil buscar erros no google quando o assunto é Linux.
Perdi o meu dia ontem procurando esse erro de permissão, modo 0777 e ainda não sei o que é.

7)Usuários do Linux(ferrenhos, em sua maioria), se sentem ameaçados quando alguém critica seu amado sistema. Isso é um entrave a novos usuários e contribui unicamente pra que o Linux seja visto com maus olhos pela maioria das pessoas comuns.
Um usuário aqui do fórum se revoltou contra mim e foi buscar coisas que eu tinha postado em 2006.
Ficou completamente alucinado porque eu digo o que penso. Falar mal do Windows, pode. Falar mal do Linux, não. Dá pra entender?

8)Dizem que o Linux é mais seguro do que o Windows. Mito.
http://www.vivaolinux.com.br/artigo/Seguranca-em-seu-Linux
Basta ler esse artigo de um bam-bam-bam em Linux.

Eu mesmo comprovei que enquanto no Windows basta um malware pra enlouquecer o sistema, no Linux basta um comando pra fazer a mesma coisa. Eu que o diga, pois mudei a permissão e não consigo mais entrar no Ubuntu. No fim da contas, o que podemos concluir? Que a segurança depende do usuário, não do sistema.

Deixo em evidência um comentário:
Citar
olhem só a experiencia que eu fiz com um amigo meu. Ele é um linuxer adepto, daquele tipo que da raiva, "Linux é seguro, linux é soda, windows sucks, microsoft sucks". Todo mundo conhece um assim ... :D

Estava falando com ele pelo skype por esses dias e durante uma dessas "bla bla bla linux ownz uber l33t" dele eu falei:
_ Então se é assim ... abre esse link aqui Champz ...

Passei a ele um link com um Java Applet que ao ser executado gera um .sh no /tmp e se executa. Esse em especial baixou uma backdoor reverse connect que me deu um bash$ na maquina do bonitinho.

Nem preciso dizer que ele NÃO EXITOU NEM 1 SEGUNDO EM ABRIR O LINK! Porque? Voces ja sabem porque... talves maioria aqui fizesse a mesma coisa :) afinal linux nao tem virus, nao tem perigo abrir um link ... :D


Por enquanto, é isso.
« Última modificação: 20 de Outubro de 2009, 13:58 por max064 »

Offline rjbgbo

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 3.889
  • Xubuntu 16.04LTS
    • Ver perfil
    • Informe Aberto
Re: O Linux é difícil, mas dizer a verdade não convém
« Resposta #1 Online: 20 de Outubro de 2009, 13:58 »
Volta pro Windows.
Linux User #440843 / Ubuntu User #11469

Offline max064

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 39
    • Ver perfil
Re: O Linux é difícil, mas dizer a verdade não convém
« Resposta #2 Online: 20 de Outubro de 2009, 13:59 »
Por quê? Vc deveria me incentivar a usar o Linux.


Offline Renato Krause

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 314
    • Ver perfil
Re: O Linux é difícil, mas dizer a verdade não convém
« Resposta #3 Online: 20 de Outubro de 2009, 14:11 »
Por quê? Vc deveria me incentivar a usar o Linux.



Porque se você demorou um dia pra entender o que é permissão 777 e ainda não sabe o que é, precisa de um Windows for dummies. Não sei pra que um post como esse seu. Volta pro Windows e pronto. Sinto que você está fazendo uma grande injustiça e sendo ingrato a todas as pessoas no mundo inteiro que escrevem códigos para os sistemas livres serem cada vez melhor.

Por favor, tenha respeito pelas pessoas que aqui se dedicam pela comunidade, goto Windows.

Offline Luiz Santos

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 102
  • Atendendo a pedidos: Eu!!
    • Ver perfil
Re: O Linux é difícil, mas dizer a verdade não convém
« Resposta #4 Online: 20 de Outubro de 2009, 14:44 »
Volta pro Windows!!  ;D

Apenas para constar: alguns dos recursos implementados no Windows Vista/7 são oriundos do mundo Unix (Mac, Linux e BSD).
Pra você não ficar achando que sou um Fanático Linux User, também uso o Windows 7 em meu PC. ;D

Don't feed ugly trools!  ;D  :D
Ubuntu 13.04 - Windows 8
Samsung 320GB(SATA)
Biostar GF8100 M2+ TE - Atlhon X2 7750 - 2GB Ram - 256MB compartilhado

alarcon

  • Visitante
Re: O Linux é difícil, mas dizer a verdade não convém
« Resposta #5 Online: 20 de Outubro de 2009, 15:01 »
Por quê? Vc deveria me incentivar a usar o Linux.



Por que está se vendo que você é de uma espécie de usuário que não vale a pena se ajudar, pois não demonstra real interesse e boa vontade de aprender o diferente. Está sempre com conceitos pré-estabelecidos sobre as coisas e procura num sistema operacional a imagem e semelhança de outro e então fica a pergunta a todos o porquê de mudar.

Volta e meia aparece no fórum o chamado usuário questionador/do contra, aquele que é contra tudo e contra todos. Se você diz que uma coisa é assim, ele afirma que é assado, se você concorda com ele que assado, ele muda de ideia e diz que é assim e por aí vai, não se chegando a lugar algum.

Para quem falou que gosta de informática e é bom conhecer alternativas, você não age da forma com que fala, ou seja, é uma pessoa em completa contradição, pois como alguém que diz gostar de informática não sabe nem usar um excelente sistema de buscas (google) para resolver seus problemas, por exemplo, da permissão 777 que numa simples pesquisa encontrei tal explicação:

http://www.gdhpress.com.br/linux/leia/index.php?p=cap1-18

E a outra contradição, como é que gosta conhecer alternativas, se você vive querendo torná-las a imagem e semelhança do que já conhece. Para mim a definição de alternativa seria a de se chegar a mesma finalidade utilizando-se de formas diferentes ou um pouco diferente.

Se seu sistema está se comportando de maneira estranha boa parte da culpa deve ser sua que andou fazendo lambanças como a do arquivo sudoers e veja não é que seja proibido fazer alterações nele, mas sim que após fazer mudanças, conscientes, você deveria retornar aos valores de permissões originais do arquivo antes de fechar o terminal ou o nautilus aberto como root, pois não fazendo isso você fica sem poder usar o sudo e o sudo su e por consequência desfazer a bobagem que fez. Expliquei como resolver, mas pelo visto vc não sabe nem usar as setas de seu teclado para que as opções no seu modo recovery mode lhe apresente a opção:  

root  drop to root shell prompt

que é a adequada para aparecer o terminal puro já logado como root sem precisar digitar a senha e fazer a execução do comando :

chmod 0440  /etc/sudoers

Note bem a opção a se escolher no recovery mode vem depois da:

netroot drop to root shell prompt with networking

que foi a que usou e portanto inadequada.


Citar
1)Dizem os leigos que o Linux reconhece todo o hardware automaticamente.

Mais uma vez você ou interpreta errado pela ignorância no assunto ou usa de má fé, pois o que o linux detecta automaticamente não precisando de driver é aquilo que é homologado nele, o hardwre com suporte, agora drivers de terceiros e hadware não homologado por n motivos já não tem suporte nativo.

Citar
2)No Ubuntu, dizem que o adicionar/remover resolve tudo.

Nunca ouvi isso, mas se isso realmente ocorreu não foi dito por alguém que conhece profundamente o sistema ou mais uma vez você, “entendido em informática”, fez confusão. O Adicionar/Remover... é feito para se instalar os aplicativos mais comuns, é uma simplificação do Synaptic, mas como toda simplificação, não faz tudo.


Citar
3)Ao clicar no Synaptic, aparece na barrinha inferior: "iniciando aplicação...". Dura 5 ou 6 segundos e desaparece. Perguntei no fórum e disseram que tenho que digitar synaptic no terminal. Logo eu que detesto digitar comandos e fui iludido com a história de que ATUALMENTE não é preciso digitar nada no terminal.

Como você, “entendido em informática”, fez muitas alterações (ou tentou fazer) no seu sistema, provavelmente fez mais uma lambança que impossibilitou o uso adequado do Synaptic, provavelmente isso tem haver com o sudoers, pois para se usar o synaptic tem que se logar como root e não é preciso chamá-lo pelo terminal. Talvez quem fez essa afirmação tenha a intenção de que fazendo assim o possível erro será apresentado pelo terminal.

Para quem acompanha o linux de um certo tempo, deveria ter observado que cada vez mais o uso do terminal vai diminuindo, mas é uma utopia achar que ele vai sumir de vez. Quando muito ficará mascarado, mas é da natureza do linux o terminal.


Citar
4)Perguntei em vários lugares e percebo um sonegamento de informação a respeito de como se logar como root e permanecer dessa forma.
Não gosto de digitar senhas o tempo todo e levando ao pé da letra a frase do Viva o Linux, "porque nós adoramos a liberdade", quero usar o Ubuntu livremente.

Assim como você tem a liberdade de usar o sistema no modo root, qualquer um aqui tem a liberdade de lhe fornecer ou não tal informação vai da consciência de cada um, como disse existe o google para obter tal solução. Você tem a liberdade de se matar pulando de uma ponte, mas nem por isso uma pessoa que presencia tal fato pode dizer vá em frente, é perfeitamente aceitável que alguém diga não faça isso, então no caso do root é perfeitamente admissível que alguém aqui diga não desabilite a conta root e se negue a informar como proceder.


Citar
5)É extremamente difícil entender erros em código. O que é 0777??

6)É extremamente difícil buscar erros no google quando o assunto é Linux.
Perdi o meu dia ontem procurando esse erro de permissão, modo 0777 e ainda não sei o que é.

Já demonstrei no início que você é que não tem vontade de encontrar tal informação no google.


Citar
8)Dizem que o Linux é mais seguro do que o Windows. Mito.
http://www.vivaolinux.com.br/artigo/Seguranca-em-seu-Linux
Basta ler esse artigo de um bam-bam-bam em Linux.

Mais uma vez você ou é muito inocente ou age de má fé, pois qualquer um sabe que não existe segurança quando a pessoa tem acesso físico ao sistema. Como no mesmo texto que acabou de colocar o link é mostrado uma maneira simples de limitar o acesso, mas voltando a repetir, nenhum sistema é totalmente seguro ao acesso físico ao mesmo. Vai dizer que o Windows é mais seguro ao acesso físico né.

Só falta agora você falar naquele tópico pérola sobre segurança que não existe vírus tudo isso é invenção da industria de anti-vírus. Lá você fala que o windows é tão seguro, mas no mesmo momento diz que não usa o IE como navegador, ou seja, um poço de contradição.
« Última modificação: 20 de Outubro de 2009, 15:08 por alarcon »

Offline Kamei Hyoga

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 1.095
  • Ubuntu 11.04
    • Ver perfil
Re: O Linux é difícil, mas dizer a verdade não convém
« Resposta #6 Online: 20 de Outubro de 2009, 15:06 »
Cade minha placa "Eu já sabia!" ??

Tudo começou aqui: http://ubuntuforum-br.org/index.php/topic,56885.msg326571.html#msg326571

max064, você foi avisado (e muito bem) sobre as consequencias e etc, seguiu em frente da mesma forma (liberdade sua), agora as consequências aparecem. Se você quiser mesmo usar, não vai ser uma besteira dessas que vai te parar.

Eu quando comecei, fui com o Slack 8.01... tudo na unha!! Não era essa molesa que é hj. Formatei meu hd umas 20x no mesmo dia!!

Agora, vc provoca um problema é quer culpar o sistema??? Reveja seus conceitos. Vc não é obrigado e ninguem tem que te obrigar a usar o Linux, mas não faça um erro e venha culpar o sistema.

Vc tem liberdade de escolha, se quiser voltar pro windows, boa sorte e seja feliz

Offline Renato Krause

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 314
    • Ver perfil
Re: O Linux é difícil, mas dizer a verdade não convém
« Resposta #7 Online: 20 de Outubro de 2009, 15:14 »
 ;D ;D ;D ;D ;D ;D ;D ;D ;D ;D ;D ;D ;D ;D ;D ;D
Apoiado Alarcon!
 ;D ;D ;D ;D ;D ;D ;D ;D ;D ;D ;D ;D ;D ;D ;D ;D

Agora me espantei e fiquei revoltado ao mesmo tempo.
http://ubuntuforum-br.org/index.php/topic,57682.0/topicseen.html

 :o ??? >:( :o ??? >:( :o ??? >:(
« Última modificação: 20 de Outubro de 2009, 15:22 por Renato Krause »

Offline xeco

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 5
    • Ver perfil
Re: O Linux é difícil, mas dizer a verdade não convém
« Resposta #8 Online: 20 de Outubro de 2009, 15:55 »
pow galera sou novo no Ubuntu +- 30 dias, e novo aqui no forum, na verdade é minha primeira citação em um post, cara achei muito massa essa asneira que o max postou, porque eu não entendo nada de informática e estou adorando linux apesar de minha dificuldade de adaptação, pois tanto tempo usando microsoft demora um pokin para se habituar, o  que pude ver nesse tópico é um idiota que "paga uma" de técnico de informática e só sabe lidar com "Coisas" crackeadas e pirateadas onde senhas e chaves de segurança são violadas, e usadas indevidamente. e esse tosco ae é um newbie de primeira, nem se quer tenta estudar a respeito quer tudo mastigado, Ei max volta pros teus piratex ae e num enche .
Só gostaria de dizer que tenho um notebook acer dual boot( ubuntu 9.04 e Ruindows Xp sp3 licenciado) e já instalei o ubuntu em mais três máquinas onde trabalho e minha meta é colocar em todas as 11 máquinas, all linux.
"...Quem planta brisa... colhe vendaval..."

Offline max064

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 39
    • Ver perfil
Re: O Linux é difícil, mas dizer a verdade não convém
« Resposta #9 Online: 20 de Outubro de 2009, 15:57 »
Por quê? Vc deveria me incentivar a usar o Linux.



Porque se você demorou um dia pra entender o que é permissão 777 e ainda não sabe o que é, precisa de um Windows for dummies. Não sei pra que um post como esse seu. Volta pro Windows e pronto. Sinto que você está fazendo uma grande injustiça e sendo ingrato a todas as pessoas no mundo inteiro que escrevem códigos para os sistemas livres serem cada vez melhor.

Por favor, tenha respeito pelas pessoas que aqui se dedicam pela comunidade, goto Windows.

Meu caro, qualquer pessoa que não se dedica diariamente a aprender o Linux, não vai entender o que é permissão 777.
Sinceramente, eu não me considero idiota. Tenho capacidade em aprender. Sei de muitas coisas.

Estou farto desses comentários hostis, chamando as pessoas de burras, de "vc precisa de um Windows for dummies", "volte pro Windows" e outros.

Se instalei o Ubuntu em outra partição, se perdi um dia inteiro em busca do 0777, é porque quero aprender.
E reclamo porque encontro dificuldades. Eu pelo menos venho até aqui perder mais algum tempo criando essa thread. Pior são os outros que desistem do Linux já nas primeiras dificuldades. Esses vc nem toma conhecimento, pois eles acabam de comprar um PC com o Satux, não conseguem fazer o que estão acostumados e instalam o Windows.
Por isso mesmo é que o Linux fica sempre à margem: ele é muito difícil e os mais experientes não possuem humildade. Pronto, é a receita infalível pra afundar o Linux.

Em momento nenhum eu desrespeitei quem colabora com o software livre.

Offline Tota

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 14.982
    • Ver perfil
Re: O Linux é difícil, mas dizer a verdade não convém
« Resposta #10 Online: 20 de Outubro de 2009, 16:05 »
Ola,

Nem voltar para o Wndows, nem condenar/louvar o GNU/Linux.

minha historia particular e pessoal:

Só estudar. Isto sim resolve tudo em ambos os sistemas.

Depois que recebi minha certificação da Microsoft para o windows 98, acchava que sabia tudo. Ledo engano meu. Havia o Windows NT para destrinchar, muito mais complexo que o 98 na época.
E dá-lhe Millenium, XP, 2003server...

E tome estudo.

Com Linux foi diferente, comecei por imposição, fui "condenado"/"convidado" a participar de um grupo de professores que iriam implementar o que hoje é conhecido como Internet em São Paulo, na USP.

O sistema era Unix e lá conheci um obscuro projeto GNU.

E tome estudo.

Livros? Sim, muitos livros. Pesquisa? Muuita pesquisa.

Aprendi? ainda não o quanto eu gostaria, e tem o windows 7, e tem o 9.10, novo grub, novo bash, etc...

Fora que a visão destes sistemas é diferente, como o é do Mac OS.

No windows, temos um sistema monolitico, e monocrático, mas com 99 % de suporte, pois quase tudo no mundo de informatica pessoal se resume a ele.

No GNU/Linux temos uma grande salada, de termos e de idéias, isto com 2 % do mercado pessoal.

Até revistas especializadas confundem os conceitos basicos, esquecendo que Linux é o kernel, GNU são os rings perifericos ao Kernel ( bash, cron, anacron, etc. ) e GNU/Linux um sistema sem interface grafica mas com o Xwindow system ( XF86 ) incorporado.

Revistas estas que chamam o nosso Ubuntu de Sistema Operacional, quando na realidade o GNU + o Linux é que são, Ubuntu é uma distribuição GNU/Linux e portanto deveria se chamar GNU/Linux Ubuntu.

Logo, problemas atribuidos ao Ubuntu, são na realidade problemas do sistema GNU/Linux, que permite a liberdade de se fazer do sistema o que se desejar em configuração / customização, observados os ditames do Sistema de software Livre e respectivas licenças.

mas no Fedora funciona e no Ubuntu não. Se funciona no fedora, pode funcionar no Ubuntu, mas haja estudo.

Já no Mac, o sistema foi feito para a maquina e esta feita para "encaixar" no sistema.

São três visões com três perspectivas, e no fim todo o mundo está certo.

E finalmente concordo parcialmente com o titulo do topico. GNU/Linux é dificil, sim, demanda estudo e muito aprendizado, compilar kernel, aprender compilação, sh, fsh, bash, bash2, alterar modulos "na mão", são conceitos diferentes nos tres sistemas citados, sem contar os pacotes de aplicativos, alguns bem diferentes e que requerem novos treinamentos.

Terminando esta minha experiência, pessoalmente, dificil é o Mac OS. É Unix ( BSD ), é pproprietário, só tenho na maquina da minha filha e eu nunca estudei nada para Mac OS.

mas como  estudei DOS, tirei uma finada certificação, estudei Unix, e estudo GNU/Linux, quando preciso configurar algo no Mac OS apanho um bocado. Isto para mim é dificil, e minha filha deita e rola em cima de mim quando o assunto é Mac OS

E olhem ( tenho 51 anos ) que acompanho este cara desde o principio => http://pt.wikipedia.org/wiki/Linus_Torvalds

[],s

Offline max064

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 39
    • Ver perfil
Re: O Linux é difícil, mas dizer a verdade não convém
« Resposta #11 Online: 20 de Outubro de 2009, 17:20 »
Por quê? Vc deveria me incentivar a usar o Linux.



Por que está se vendo que você é de uma espécie de usuário que não vale a pena se ajudar, pois não demonstra real interesse e boa vontade de aprender o diferente. Está sempre com conceitos pré-estabelecidos sobre as coisas e procura num sistema operacional a imagem e semelhança de outro e então fica a pergunta a todos o porquê de mudar.


Como eu não demonstro interesse? Perguntei aqui, peguntei no Viva o Linux(um usuário de lá, experiente, mostrou não saber o que fazer na minha situação), perguntei no fórum do Ubuntu em inglês, pesquisei no google, perdi o dia todo ontem pra saber o que é 777. Como vc diz que não tenho interesse??



Volta e meia aparece no fórum o chamado usuário questionador/do contra, aquele que é contra tudo e contra todos. Se você diz que uma coisa é assim, ele afirma que é assado, se você concorda com ele que assado, ele muda de ideia e diz que é assim e por aí vai, não se chegando a lugar algum.

Seja mais específico. Vc se refere ao root? Não é porque a maioria usa o Linux com poderes restritos, que eu tenho que me submeter à mesma condição.
Cada usuário é diferente do outro e é preciso respeitar.

Um profissional, até um vendedor, precisa conhecer seus clientes. Eu não gosto de monitor LCD(não vem ao caso, por isso não vou detalhar). Por isso, não é certo um vendedor ficar me iludindo, contando vantagens que só ele enxerga.


como alguém que diz gostar de informática não sabe nem usar um excelente sistema de buscas (google) para resolver seus problemas, por exemplo, da permissão 777 que numa simples pesquisa encontrei tal explicação:

http://www.gdhpress.com.br/linux/leia/index.php?p=cap1-18

Como vc achou??
Digitei isso: permissao 777. Não tem nada relevante.

O link que vc aponta, diz que o código 777 é pra dar permissão a todos os usuários. Isso não corresponde ao problema.
Note: sudo-etc-sudoers-is-mode-0777-should-be-0440

Se o modo é 777, ou seja, livre para todos os usuários, por que deveria ser 440??? Se já é livre, o que ele está reclamando???

Indo ao google novamente, procuremos por "permissao 440":
Achamos o primeiro link: http://www.vivaolinux.com.br/dica/Brincando-com-permissoes-de-arquivos
Citar
"a permissão 440 dá permissão apenas de leitura ao dono do arquivo, permissão apenas de leitura para o grupo do dono do arquivo e permissão nenhuma para os demais usuários do sistema."

Não faz sentido.

Se seu sistema está se comportando de maneira estranha boa parte da culpa deve ser sua que andou fazendo lambanças como a do arquivo sudoers e veja não é que seja proibido fazer alterações nele, mas sim que após fazer mudanças, conscientes, você deveria retornar aos valores de permissões originais do arquivo antes de fechar o terminal ou o nautilus aberto como root, pois não fazendo isso você fica sem poder usar o sudo e o sudo su e por consequência desfazer a bobagem que fez.


Eu segui a orientação de um post aqui no fórum do Ubuntu. Será que não posso confiar nem nos usuários? Por que a moderação deixou lá?

Expliquei como resolver, mas pelo visto vc não sabe nem usar as setas de seu teclado para que as opções no seu modo recovery mode lhe apresente a opção:  

root  drop to root shell prompt

que é a adequada para aparecer o terminal puro já logado como root sem precisar digitar a senha e fazer a execução do comando :

chmod 0440  /etc/sudoers

Note bem a opção a se escolher no recovery mode vem depois da:

netroot drop to root shell prompt with networking

que foi a que usou e portanto inadequada.

Por que inadequada? Networking significa "rede". No Windows não há diferença entre escolher prompt de comando e prompt de comando com rede, portanto é natural que eu não perceba diferença no Linux.


Citar
1)Dizem os leigos que o Linux reconhece todo o hardware automaticamente.

Mais uma vez você ou interpreta errado pela ignorância no assunto ou usa de má fé, pois o que o linux detecta automaticamente não precisando de driver é aquilo que é homologado nele, o hardwre com suporte, agora drivers de terceiros e hadware não homologado por n motivos já não tem suporte nativo.


Que eu saiba, não existem homologações no Linux. Os desenvolvedores fazem engenharia reversa, já que não contam com suporte oficial dos fabricantes.


Citar
8)Dizem que o Linux é mais seguro do que o Windows. Mito.
http://www.vivaolinux.com.br/artigo/Seguranca-em-seu-Linux
Basta ler esse artigo de um bam-bam-bam em Linux.

Mais uma vez você ou é muito inocente ou age de má fé, pois qualquer um sabe que não existe segurança quando a pessoa tem acesso físico ao sistema. Como no mesmo texto que acabou de colocar o link é mostrado uma maneira simples de limitar o acesso, mas voltando a repetir, nenhum sistema é totalmente seguro ao acesso físico ao mesmo. Vai dizer que o Windows é mais seguro ao acesso físico né.

Veja o comentário que destaquei.

Só falta agora você falar naquele tópico pérola sobre segurança que não existe vírus tudo isso é invenção da industria de anti-vírus. Lá você fala que o windows é tão seguro, mas no mesmo momento diz que não usa o IE como navegador, ou seja, um poço de contradição.

Eu não fiz nenhum comentário nessa página. Se vc viu algo parecido ao que digo aqui, é porque existem outras pessoas conscientes a respeito de segurança no Windows.
Está todo mundo careca de saber que se o usuário não executa malwares, é muito ,mas muito difícil ser vítima de fraudes.

E depois, por que eu usaria o IE? Sou obrigado?
Existe o Opera, o navegador mais completo, além de possuir segurança.

Offline Luiz Santos

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 102
  • Atendendo a pedidos: Eu!!
    • Ver perfil
Re: O Linux é difícil, mas dizer a verdade não convém
« Resposta #12 Online: 20 de Outubro de 2009, 17:27 »
Por quê? Vc deveria me incentivar a usar o Linux.



Porque se você demorou um dia pra entender o que é permissão 777 e ainda não sabe o que é, precisa de um Windows for dummies. Não sei pra que um post como esse seu. Volta pro Windows e pronto. Sinto que você está fazendo uma grande injustiça e sendo ingrato a todas as pessoas no mundo inteiro que escrevem códigos para os sistemas livres serem cada vez melhor.

Por favor, tenha respeito pelas pessoas que aqui se dedicam pela comunidade, goto Windows.

Meu caro, qualquer pessoa que não se dedica diariamente a aprender o Linux, não vai entender o que é permissão 777.
Sinceramente, eu não me considero idiota. Tenho capacidade em aprender. Sei de muitas coisas.

Estou farto desses comentários hostis, chamando as pessoas de burras, de "vc precisa de um Windows for dummies", "volte pro Windows" e outros.

Se instalei o Ubuntu em outra partição, se perdi um dia inteiro em busca do 0777, é porque quero aprender.
E reclamo porque encontro dificuldades. Eu pelo menos venho até aqui perder mais algum tempo criando essa thread. Pior são os outros que desistem do Linux já nas primeiras dificuldades. Esses vc nem toma conhecimento, pois eles acabam de comprar um PC com o Satux, não conseguem fazer o que estão acostumados e instalam o Windows.
Por isso mesmo é que o Linux fica sempre à margem: ele é muito difícil e os mais experientes não possuem humildade. Pronto, é a receita infalível pra afundar o Linux.

Em momento nenhum eu desrespeitei quem colabora com o software livre.

Trate o Fórum da mesma maneira que gostaria de ser tratado! Aqui não é suporte pago onde você esbraveja e critica a vontade e somos obrigados a engolir!
A Canocical tem suporte pago. Chega na humildade que todos terão o prazer de te ajudar. Sabemos que o Ubuntu não é a panacéia para todos os males da informática. Você não é obrigado a usar Linux. Se ele não te atende não se irrite com ele e volte para o Windows. Pra quê ficar se estressando com um sistema que tem só 2% de usuários no mundo?  >:(

Ubuntu 13.04 - Windows 8
Samsung 320GB(SATA)
Biostar GF8100 M2+ TE - Atlhon X2 7750 - 2GB Ram - 256MB compartilhado

Offline Luiz Santos

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 102
  • Atendendo a pedidos: Eu!!
    • Ver perfil
Re: O Linux é difícil, mas dizer a verdade não convém
« Resposta #13 Online: 20 de Outubro de 2009, 17:31 »
Se você realmente que aprender vá neste site aqui: http://focalinux.cipsga.org.br/  ou neste http://wiki.ubuntu-br.org/
Ubuntu 13.04 - Windows 8
Samsung 320GB(SATA)
Biostar GF8100 M2+ TE - Atlhon X2 7750 - 2GB Ram - 256MB compartilhado

Offline Renato Krause

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 314
    • Ver perfil
Re: O Linux é difícil, mas dizer a verdade não convém
« Resposta #14 Online: 20 de Outubro de 2009, 17:46 »
Por quê? Vc deveria me incentivar a usar o Linux.



Por que está se vendo que você é de uma espécie de usuário que não vale a pena se ajudar, pois não demonstra real interesse e boa vontade de aprender o diferente. Está sempre com conceitos pré-estabelecidos sobre as coisas e procura num sistema operacional a imagem e semelhança de outro e então fica a pergunta a todos o porquê de mudar.


Como eu não demonstro interesse? Perguntei aqui, peguntei no Viva o Linux(um usuário de lá, experiente, mostrou não saber o que fazer na minha situação), perguntei no fórum do Ubuntu em inglês, pesquisei no google, perdi o dia todo ontem pra saber o que é 777. Como vc diz que não tenho interesse??



Volta e meia aparece no fórum o chamado usuário questionador/do contra, aquele que é contra tudo e contra todos. Se você diz que uma coisa é assim, ele afirma que é assado, se você concorda com ele que assado, ele muda de ideia e diz que é assim e por aí vai, não se chegando a lugar algum.

Seja mais específico. Vc se refere ao root? Não é porque a maioria usa o Linux com poderes restritos, que eu tenho que me submeter à mesma condição.
Cada usuário é diferente do outro e é preciso respeitar.

Um profissional, até um vendedor, precisa conhecer seus clientes. Eu não gosto de monitor LCD(não vem ao caso, por isso não vou detalhar). Por isso, não é certo um vendedor ficar me iludindo, contando vantagens que só ele enxerga.


como alguém que diz gostar de informática não sabe nem usar um excelente sistema de buscas (google) para resolver seus problemas, por exemplo, da permissão 777 que numa simples pesquisa encontrei tal explicação:

http://www.gdhpress.com.br/linux/leia/index.php?p=cap1-18

Como vc achou??
Digitei isso: permissao 777. Não tem nada relevante.

O link que vc aponta, diz que o código 777 é pra dar permissão a todos os usuários. Isso não corresponde ao problema.
Note: sudo-etc-sudoers-is-mode-0777-should-be-0440

Se o modo é 777, ou seja, livre para todos os usuários, por que deveria ser 440??? Se já é livre, o que ele está reclamando???

Indo ao google novamente, procuremos por "permissao 440":
Achamos o primeiro link: http://www.vivaolinux.com.br/dica/Brincando-com-permissoes-de-arquivos
Citar
"a permissão 440 dá permissão apenas de leitura ao dono do arquivo, permissão apenas de leitura para o grupo do dono do arquivo e permissão nenhuma para os demais usuários do sistema."

Não faz sentido.

Se seu sistema está se comportando de maneira estranha boa parte da culpa deve ser sua que andou fazendo lambanças como a do arquivo sudoers e veja não é que seja proibido fazer alterações nele, mas sim que após fazer mudanças, conscientes, você deveria retornar aos valores de permissões originais do arquivo antes de fechar o terminal ou o nautilus aberto como root, pois não fazendo isso você fica sem poder usar o sudo e o sudo su e por consequência desfazer a bobagem que fez.


Eu segui a orientação de um post aqui no fórum do Ubuntu. Será que não posso confiar nem nos usuários? Por que a moderação deixou lá?

Expliquei como resolver, mas pelo visto vc não sabe nem usar as setas de seu teclado para que as opções no seu modo recovery mode lhe apresente a opção:  

root  drop to root shell prompt

que é a adequada para aparecer o terminal puro já logado como root sem precisar digitar a senha e fazer a execução do comando :

chmod 0440  /etc/sudoers

Note bem a opção a se escolher no recovery mode vem depois da:

netroot drop to root shell prompt with networking

que foi a que usou e portanto inadequada.

Por que inadequada? Networking significa "rede". No Windows não há diferença entre escolher prompt de comando e prompt de comando com rede, portanto é natural que eu não perceba diferença no Linux.


Citar
1)Dizem os leigos que o Linux reconhece todo o hardware automaticamente.

Mais uma vez você ou interpreta errado pela ignorância no assunto ou usa de má fé, pois o que o linux detecta automaticamente não precisando de driver é aquilo que é homologado nele, o hardwre com suporte, agora drivers de terceiros e hadware não homologado por n motivos já não tem suporte nativo.


Que eu saiba, não existem homologações no Linux. Os desenvolvedores fazem engenharia reversa, já que não contam com suporte oficial dos fabricantes.


Citar
8)Dizem que o Linux é mais seguro do que o Windows. Mito.
http://www.vivaolinux.com.br/artigo/Seguranca-em-seu-Linux
Basta ler esse artigo de um bam-bam-bam em Linux.

Mais uma vez você ou é muito inocente ou age de má fé, pois qualquer um sabe que não existe segurança quando a pessoa tem acesso físico ao sistema. Como no mesmo texto que acabou de colocar o link é mostrado uma maneira simples de limitar o acesso, mas voltando a repetir, nenhum sistema é totalmente seguro ao acesso físico ao mesmo. Vai dizer que o Windows é mais seguro ao acesso físico né.

Veja o comentário que destaquei.

Só falta agora você falar naquele tópico pérola sobre segurança que não existe vírus tudo isso é invenção da industria de anti-vírus. Lá você fala que o windows é tão seguro, mas no mesmo momento diz que não usa o IE como navegador, ou seja, um poço de contradição.

Eu não fiz nenhum comentário nessa página. Se vc viu algo parecido ao que digo aqui, é porque existem outras pessoas conscientes a respeito de segurança no Windows.
Está todo mundo careca de saber que se o usuário não executa malwares, é muito ,mas muito difícil ser vítima de fraudes.

E depois, por que eu usaria o IE? Sou obrigado?
Existe o Opera, o navegador mais completo, além de possuir segurança.

Tchê, você não é obrigado a nada e não entende que as outras pessoas também não são. Feriu com palavras a todos que se dedicam para fazer isso tudo melhor e continua sendo arrogante e falando de forma grosseira. Esse teu problema é um dos mais fáceis de resolver mas com essa arrogancia eu nao te ajudo mesmo e pelo que tu pode ver não sou apenas eu que pensa assim. Aconselho que você pense em tudo isso, escreva uma retratação e tudo voltará ao seu curso normal.  ;)