Autor Tópico: deixando linux  (Lida 35553 vezes)

Offline rsmb

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 191
  • Debian GNU/Linux
    • Ver perfil
Re: deixando linux
« Resposta #15 Online: 07 de MAR?O de 2010, 13:18 »
É bem por aí mesmo, já fiz alguns amigos ficarem de boca aberta (literalmente) por causa dos efeitos do compiz, que, eu acho, é o que tem de mais legal no Linux. Mas se parar para pensar, o Gimp, o Audacity, o Inkscape, VLC, e mais outros programas opensource, têm tudo pra Windows. Então não faz muito sentido instalar um Linux só para usa-los. Essa é a liberdade, a pessoa usa o SO que quiser, e o que gosta.  ;)

É isso aí. Certíssimo. Pra que plantar batatas se você pode comer no McDonald's?
Use Windows. Você paga e fica satisfeito com seu investimento. Só não tem Compiz.

Falou...
______________
Dlanor Sorrab

alarcon

  • Visitante
Re: deixando linux
« Resposta #16 Online: 07 de MAR?O de 2010, 13:19 »
No meu caso eu uso Linux porque preciso de segurança, saber o que o sistema operacional está fazendo em meu computador.



Aqui estou me preparando para na versão 10.04, eu passe a usar o Ubuntu para quase tudo, (hoje uso Windows só para entrar na internet é jogar), quero usar o Ubuntu para navegar na internet, como uso discada vou esperar o proximo pacote do modem para smart link.


Ai se conseguir usar a internet no Ubuntu, vou usar windows só para jogar é de preferencia em computador diferente...


No futuro penso em fazer programação, é quero aprender as que funcionam nativamente em linux como python, é java não quero aquelas coisas de .net com patentes...

Caso vc use conexão discada com modem que é suportado pelo driver smartlink e não tenha conseguido fazê-lo funcionar no Ubuntu 9.10 32bits, creio que já tem solução, pois recentemente foi lançado uma nova versão do driver smartlink e eu já fiz uma alteração no meu pacote modem-arquivos-v31.tar.gz e pelo menos para um usuário que possui o modem motorola sm56 afirmou que funcionou no Ubuntu 9.10 32bits, maiores detalhes veja aqui:

http://ubuntuforum-br.org/index.php/topic,4204.msg356649.html#msg356649

alarcon

  • Visitante
Re: deixando linux
« Resposta #17 Online: 07 de MAR?O de 2010, 13:38 »
Quando vejo tópicos como esse de usuários que dizem gostar do Ubuntu mais que infelizmente estão voltando para o Windows por não ter compatibilidade com os aplicativos que mais usam, eu concordo plenamente com tal atitude num primeiro momento, pois ninguém é obrigado a ficar onde não são plenamente satisfeitos no seu dia-a-dia, mas parando para pensar com mais calma me vem a cabeça aquela velha brincadeira:

"quem veio primeiro, o ovo ou a galinha"

Aí transportando para o mundo linux eu me faço constantemente a pergunta:

"O linux não tem maior compatibilidade de hardware, melhores aplicativos (questionável) por que tem poucos usuários ou tem poucos usuários por que não tem maior compatibilidade de hardware, melhores aplicativos (questionável)."

Acho, então que para aqueles usuários que tem uma grande simpatia pelo Ubuntu, mas que ainda não são planamente satisfeitos no seu uso, deviam continuar usando nem que seja em dual boot, via wubi, maquina virtual, pois agindo agora da forma com que estão fazendo, não contribuem em nada pela sua evolução no sentido de que um maior número de usuários fariam com que as grandes industrias de hardware, grandes empresas de aplicativos e por aí vai, voltem seus olhos para o mundo linux.

Agora aqueles que realmente não tiveram simpatia pelo Ubuntu e nem seus aplicativos prediletos tem versão ou similar no mundo linux, sou inteiramente favorável que voltem a usar o Windows sem a menor dúvida o mais rápido possível e parem de encher o saco aqui, kkkk. Esta parte final foi só uma brincadeirinha. Um aviso para os mais estressados. :P

« Última modificação: 07 de MAR?O de 2010, 13:43 por alarcon »

Offline platao

  • Equipe Ubuntu
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 5.052
    • Ver perfil
Re: deixando linux
« Resposta #18 Online: 07 de MAR?O de 2010, 13:44 »
Acho interessante esse "terrorismo" que alguns usuarios fazem aqui no forum tipo "se ninguem me ajudar volto para o windows" ficamos chateados quando um irmao vai embora mas, nao ha como negar que a filosofia do software livre e apaixonante e esse autruismo que os usuarios de linux tem de ajudar sempre quem esta com dificuldades nao vi semelhante em lugar algum.

Talvez seja por isso que quando vemos mensagems assim pensamos "ja desistiu?"

Mas garanto uma coisa, quem usou linux uma vez acaba voltando, pode ser por curiosidade e varios outros motivos como "brincar com o compiz" tbm.

Pena que uns sao persistentes e perseveram outros nao, eu mesmo ja quase desisti do linux começei a usar o ubuntu 7.10 enquanto a versao atual era a 9.04 e encontrei inumeras dificuldades por ser uma distro sem suporte mas era a unico ubuntu que reconhecia o meu hardware completamente. Quando adquiri um notebook pensei "to lascado" vai dar o maior trabalho instalar o ubuntu nele e pra minha surpreza foi o contrario, reconheceu tudo e com alguns pequenos ajustes estava pronto em menos de uma hora, foi ai que eu vi como evoluiu o ubuntu, quem vem de versoes anteriores sabe do que eu estou falando.

Liberdade e isso fiquem a vondade para voltarem quando quiserem.
\\\\\\\\Apostilas Dicas e Guias do Ubuntu\\\\\\\\\> http://ubuntuforum-br.org/index.php/topic,79368.msg440997.html#msg440997

Offline livre1

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 650
    • Ver perfil
Re: deixando linux
« Resposta #19 Online: 07 de MAR?O de 2010, 14:33 »
No meu caso eu uso Linux porque preciso de segurança, saber o que o sistema operacional está fazendo em meu computador.



Aqui estou me preparando para na versão 10.04, eu passe a usar o Ubuntu para quase tudo, (hoje uso Windows só para entrar na internet é jogar), quero usar o Ubuntu para navegar na internet, como uso discada vou esperar o proximo pacote do modem para smart link.





Ai se conseguir usar a internet no Ubuntu, vou usar windows só para jogar é de preferencia em computador diferente...


No futuro penso em fazer programação, é quero aprender as que funcionam nativamente em linux como python, é java não quero aquelas coisas de .net com patentes...

Caso vc use conexão discada com modem que é suportado pelo driver smartlink e não tenha conseguido fazê-lo funcionar no Ubuntu 9.10 32bits, creio que já tem solução, pois recentemente foi lançado uma nova versão do driver smartlink e eu já fiz uma alteração no meu pacote modem-arquivos-v31.tar.gz e pelo menos para um usuário que possui o modem motorola sm56 afirmou que funcionou no Ubuntu 9.10 32bits, maiores detalhes veja aqui:

http://ubuntuforum-br.org/index.php/topic,4204.msg356649.html#msg356649



Alarcon eu não tinha tentado nesta versão pelo motivo que li que não estava funcionando.


Estou usando a versão 9.10 com um preparativo, estou vendo os programas que vou precisar fazendo as configurações, para quando vier o 10.04 Lts eu faça tudo corretamente, vou aproveitar então é tantar instalar o pacote senão funcionar eu peço um help.


Quando vier o 10.04 eu quero usar o Windows só para jogar.

Obrigado, vou baixar o pacote.



Offline mateusrico

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 8
    • Ver perfil
Re: deixando linux
« Resposta #20 Online: 07 de MAR?O de 2010, 18:31 »

Offline Ioca100

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 2.848
  • Rio,Brasil
    • Ver perfil
Re: deixando linux
« Resposta #21 Online: 07 de MAR?O de 2010, 19:22 »
Engraçado, o último sistema MS que usei foi XP, hoje estive na casa da minha cunhada e ela pediu para dar uma arrumada no pc,era Win7, gostei, mas não troco pelo Ubuntu, não.
Usuário Linux- 449417

Offline Rvos

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 77
  • Linux User #500472
    • Ver perfil
Re: deixando linux
« Resposta #22 Online: 17 de MAR?O de 2010, 10:16 »
Aceito a decisão dos colegas que estão deixando o GNU/Linux para voltar ao Windows, afinal de conta, somos livres para ir e vir...Mas algo que me deixa surpreso, pois fiz justamente o contrário, desde que eu instalei o GNU/Linux, raramente utilizei o Windows, pois sempre procurei alternativas, e nunca fiquei sem, mesmo que seja emulando por Wine (tenho o Office 2007 por Wine, mas cada vez menos venho utilizando ele, visto que a cada atualização a compatibilidade com o Office está melhor). Dificuldades? Sim, quem instalava um modem em Windows 3.x sabe que também era difícil pacas. Agora pensem comigo: O Ubuntu (ou GNU/Linux) está começando hoje a receber um maior apoio para desenvolvimento, pois nunca falaram tanto em GNU/Linux como se fala hoje. Agora o Windows, bancado por forte investimento comercial (tanto da Microsoft, quanto da Apple!!) Necessitou de 13  anos para se desenvolver (W98 como primeiro SO utilizável, porém regular), porque que com 6 anos de Ubuntu exigimos  o sistema perfeito, sem incompatibilidades ou bugs??

Hoje em dia o Linux está sofrendo o que o automóvel sofreu, pois no passado, o automóvel era visto como algo prazeroso, hoje é visto como mero "meio de transporte", assim está o GNU/Linux. É algo positivo você poder lutar para conseguir fazer o sistema ficar redondo, logo aprende-se muito, já com o Windows, o que se aprende? Como instalar um anti-virus em cliques, ou trocar de wallpaper?? Realmente, isto não é aprender. Não vou entrar no quesito valores pois não quero ser repetitivo!!

Hoje em dia o Ubuntu está ótimo quanto a compatibilidade ou facilidade de instalação, tanto que está atraindo muitos usuários justamente por isto (não é mais aquele "bicho de sete cabeças", ou "sistema para programador/nerd".

Agora ressalto, não sou contra os colegas que querem sair do GNU/Linux, mas que sirva para reflexão de quem esteja lendo este tópico.

Desculpe pelo texto longo e se fui incoerente em algum momento.

Abraços.

Rafael Oliveira.
Linux! Não apenas para os que necessitam, mas também para os que gostam de Informática!!

Offline Cleverson

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 30
    • Ver perfil
    • Comunicador digital
Re: deixando linux
« Resposta #23 Online: 17 de MAR?O de 2010, 10:46 »
caro amigo

A questão não é o tipo de aplicação existente tanto pra windows quanto para linux mas a essencia do que se pede
sou usuário windows e linux; quando o linux foi criado a idéia inicial era liberdade, até por que alguém considerava injusto se pagar (um valor absurdo para se poder usar um SO), concordo com você quando diz cada um usa o que gosta
mas a grande questão é o monopólio causado.
Cleverson Alves dos Santos
Tester Analyst Junior

Offline lpds25

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 136
    • Ver perfil
Re: deixando linux
« Resposta #24 Online: 29 de Abril de 2010, 19:14 »
tambem estou perante 1 problema desse género
já utilizei ubuntu no desktop (noutro que tive, da versao 6.06 até á 7.10), inclusive agora tenho um dos meus laptops a rodar o 10.04 (tá LINDO) e só não ponho noutro laptop que tenho pois ainda está na garantia e já queimei dinheiro com ele por causa dessas brincadeiras, mas quando acabar a garantia talvez ponha ubuntu nele também.
queria pôr no meu novo desktop que é este http://www.assismatica.pt/detalhe_produto.aspx?produto=Upgrade-ST-9005&idc=561&idc1=561&seccao1=Computadoress/monitor&idProduto=166465&catalogotipo=novos (com duas diferenças: tem o dobro da ram e um dual core intel). já tentei todas as formas possiveis mas não dá - ele instala mas quando vai carregar pela 1a vez o sistema fica completamente parado). dá ideia ser da gráfica
vou continuar a queimar trafego da internet de casa para fazer download das versões e ir experimentando e no dia em que lançarem uma versão compativel com a minha configuraçao - ou no dia em que eu souber ´contornar esse problema - rendo-me ao SL de vez
« Última modificação: 17 de Maio de 2010, 16:17 por lpds25 »
Utilizador Ubuntu nº 29843

Offline adilson bts

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 355
    • Ver perfil
Re: deixando linux
« Resposta #25 Online: 29 de Abril de 2010, 19:28 »



antes de ver os comentarios dos outros que apoiaram a imagem acima eu ja estava disposto a cita-la também....

eu uso ubuntu e quase nao uso compiz (uso só pra sacanear os windolatras).. pois o linux nao se resume a compiz.... tem mt coisa boa alem do compiz...  vai logo   eu ja fiz isso no passado, xinguei todo mundo no forum e voltei disposto a superar o desafio, pq uma vez que a gente usa linux nunca mais esquece... no primeiro virus, na primeira tela azul, na primeira formataçao a gente acaba voltando...  vai .....
note aspire 4710, dualcore 1,73, mobile intel grafic media acelerator 950, 2gb ram, Ultimate edition 2.6- Ubuntu 10.04

Offline velox256

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 1.915
  • Debian é Debian... :)
    • Ver perfil
    • Linux Inside
Re: deixando linux
« Resposta #26 Online: 29 de Abril de 2010, 19:46 »
Comigo acontece o contrário, sou usuário relativamente pesado de computador e o Linux me satisfaz plenamente em minhas necessidades, é mais fácil eu tirar o Windows (só por causa dos jogos) do que me desfazer do meu Debian, onde eu ripo cd e dvd, faço discos de cd e dvd de vídeo, faço e traduzo legendas, conversão de áudio e vídeo, mixagem de mp3 e tudo mais...
Computador perereca, com disco perereca, monitor perereca e sistema super xuxu. Visitem a minha página em http://sidserra.k6.com.br ou meu blog em http://sidserra.blogspot.com.br.

Offline Andreson Goveia

  • Equipe Ubuntu
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 1.985
  • Kubuntu 14.10
    • Ver perfil
Re: deixando linux
« Resposta #27 Online: 30 de Abril de 2010, 05:12 »
Também tô vazando...

Só não tiro o Linux de vez porque gosto de impressionar os amigos com o efeito fogo na tela, além de deixá-los confusos com os menus diferentes.

Não seja por isso
http://dev.compiz.org/~cyberorg/2009/04/01/finally-windows-users-can-get-compiz-easily/

Acredito que as pessoas devem usar o sistema operacional que mais te agrade (sem ser pirata é claro), para não ficar reclamando disso ou daquilo, porque se não gosta sempre achará algo para reclamar, mas se gosta sempre achará um motivo para elogiar.

Offline fatecano

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 620
    • Ver perfil
Re: deixando linux
« Resposta #28 Online: 30 de Abril de 2010, 09:20 »
É uma pena que estão indo embora, mas a liberdade é para isso mesmo.
Cada um usa o que for melhor para si.

No meu caso, a segurança vem em primeiro lugar e também o fato de sair da pirataria.
Ainda uso o Windows, mas é só em alguns casos "especiais".  ;D

Offline RamonB

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 423
  • Salvador, BA
    • Ver perfil
Re: deixando linux
« Resposta #29 Online: 30 de Abril de 2010, 09:48 »

Acho, então que para aqueles usuários que tem uma grande simpatia pelo Ubuntu, mas que ainda não são planamente satisfeitos no seu uso, deviam continuar usando nem que seja em dual boot, via wubi, maquina virtual, pois agindo agora da forma com que estão fazendo, não contribuem em nada pela sua evolução no sentido de que um maior número de usuários fariam com que as grandes industrias de hardware, grandes empresas de aplicativos e por aí vai, voltem seus olhos para o mundo linux.


Pois é, Alarcon, é o meu caso. Eu já havia usado Linux há uns "trocentos" anos atrás mas desisti devido a problemas de drivers. Voltei com o Ubuntu 8.10 e, agora, mais de um ano depois, continuo firme. Como eu preciso de algumas coisas do Windows (principalmente o Nokia PC Suite para sincronizar agenda e contatos e o MediaMonkey para meu catálogo de música), tenho um XP no VirtualBox. Ainda não tive a coragem de "queimar" o Vista no desk nem o XP no netbook (entre outras coisas, porque eles são oficiais) mas só vou lá de mês em mês e olhe lá.

Mas a essência do software livre é exatamente esta, que é o que me atrai: cada um é livre para usar o que quiser.

Por outro lado, acho importantíssimo manter a chama do Linux para que a Microsoft sinta que tem um concorrente forte ali na esquina. Então, até quem gosta do Windows deveria apoiar o Linux pois, se a Microsoft (e também a Apple) sentir que não tem ameaças, aí sim é que nada vai melhorar (nem tecnicamente nem em preço). Ou alguém aí acha que o tão elogiado Windows 7 (que não conheço) teria aparecido se a MS não se sentisse ameaçada?
Notebook: Dell Inspiron 15 5584, 8 GB RAM, 1 SSD 480 GB, 1 HD 1 TByte. Dual-boot Linux Mint Cinnamon 21.1 / Windows 11
Notebook Dell Inspiron 13 5301, 8 GB RAM, SSD 480 GB. Dual-boot Ubuntu Budgie 22.04 / Windows 11
Notebook Lenovo Thinkpad X201, 4 GB RAM, SSD 120 GB. Linux Mint XFCE 21.1