Autor Tópico: Será dificil o Linux ganhar do Windows se mudaças urgentes não ferem adotadas!!!  (Lida 104750 vezes)

Willder

  • Visitante
Agora falou a minha língua. Se a pessoa prefere usar Windows, use-o, mas use-o com responsabilidade.

Acho engraçado essa afirmação visto que você falou que
Citar
Enquanto eu usava Windows (isso até 2008), era virus atrás de virus

Citar
O mesmo vale pra quem usa qualquer outro sistema operacional. O problema é que, pelo visto, mais de 90% dos usuários de Windows não sabe fazer mais que ligar o PC e acessar Facebook, MSN e YouTube. E, claro, sair clicando em tudo que aparece pela frente.

Sim, vale para qualquer sistema mesmo, e qualquer tipo de usuário - o sistema deve atender as necessidades dos usuário, sejam elas qual forem.

Citar
E os "técnicos" incompetentes se aproveitam disso e arrancam os olhos da cara de suas "vítimas".

Não tem nada haver com o tópico.

Offline RamonB

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 422
  • Salvador, BA
    • Ver perfil

Quanto ao tópico, novamente a resposta sai do foco dele que era o Ubuntu e software livre "adotar o que o Windows tem de melhor".

Na verdade, o Ubuntu na minha opinião tem sim muitas coisas no que melhorar, mas adotar ou até copiar o Windows não é o caminho, até porque a forma que o Windows é hoje não é o único caminho para se ter um sistema fácil para o usuário, seja ele comum, médio ou avançado.

Mas este é meu ponto: uma das coisas que ele ressalta no Windows e que deveriam ser copiadas é justamente a estabilidade (citação dele: "hoje o Windows é estável, não trava").

Então, algumas experiências minhas com o Windows. Como eu disse, comprei uma cópia "família" de Win 7. Numa das instalações, depois de umas semanas de uso, apareceu uma tela preta dizendo que aquela cópia não era legal (não me lembro exatamente os termos). Em tempo: assim que instalei aquela cópia, eu inseri a chave de ativação, como manda o figurino!

Pesquisei, então, por casos semelhantes na web e, surpresa!, as únicas soluções que achei eram de "crackear", ou seja, feitas para quem tem o piratão. Depois de um dia inteiro apanhando "feito gente grande", achei o telefone do suporte a clientes da Microsoft (até este telefone foi difícil de achar no site da Microsoft!). Liguei e depois de mais de 40 minutos de conversa e de vai-e-volta, a moça me passou um código para (re)ativar a chave do produto. E isto tudo porque era uma cópia legal (e cara)!

E agora veja o que me aconteceu ontem mesmo: eu resolvi atualizar o Ubuntu e o Windows 7 Home Premium do meu netbook Asus 1201T porque vou viajar.

Com o Ubuntu correu tudo bem. Com o Windows, depois que ele re-bootou, ficou travadaço! A luzinha de atividade do HD piscava feito uma louca e eu não mexi em nada e, como nem o mouse respondia aos movimentos, não quis desligar na marra (porque havia sido feita uma atualização e fiquei com receio que desse alguma zebra). Depois de mais de 4 horas (não foi erro de digitação: foram quatro horas mesmo!) ele voltou e parecia estar tudo bem. Aí, re-bootei e tudo pareceu correr bem. Rodei o anti-vírus (depois desse comportamento esquisito, seguro morreu de velho, né?) e re-bootei de novo. Aí, apareceu a tela preta de cópia ilegal de novo. Fui fazer outra coisa e cerca de 30 minutos depois voltei. A tela havia desaparecido e estava a tela normal.

Se isto é estabilidade, não quero nem estar por perto na hora em que ele ficar instável!

Agora imagine se isto tudo houvesse acontecido com um usuário Ubuntu! O céu estaria caindo na cabeça do software livre!!!

E é este o meu ponto: não existe software perfeito. Só que, para alguns usuários, os critérios para avaliar um (o software livre) são bem mais rigorosos que os usados para avaliar o outro (o Windows).

Um abraço e fui!
Notebook: Dell Inspiron 15 5584, 8 GB RAM, 1 SSD 128 GByte, 1 HD 1 TByte. Dual-boot Ubuntu Gnome 20.04 / Windows 10
Notebook Dell Inspiron 14 5447, 16 GB RAM, HD 1 TByte. Dual-boot KDE Neon 5.19 / Windows 10
Netbook: ASUS 1000H, 2 GB RAM, SSD 128 GByte, Bodhi Linux

eliseu_carvalho

  • Visitante
para alguns usuários, os critérios para avaliar um (o software livre) são bem mais rigorosos que os usados para avaliar o outro (o Windows).

Ninguém reclama do show de travas e erros do Windows, mas se aparece um pontinho fora do lugar na tela de qualquer Linux, já metem o pau...

Offline hugoleal85

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 509
    • Ver perfil
    • Recanto do Tux
Estabilidade e segurança são dois aspectos nos quais o Linux está muito a frente do Windows. Para comprovar observem qual o sistema operacional utilizado na maioria dos servidores e supercomputadores de pesquisa, onde esses dois aspectos são cruciais.

Vir dizer que o Linux tem que ser espelhar no Windows em questão de estabilidade... só pode estar de brincadeira.
« Última modificação: 14 de Julho de 2012, 14:05 por hugoleal85 »
"Cada homem que encontro é superior a mim em alguma coisa; e nisto posso aprender dele." [Ralph W. Emerson]
Meu blog

Willder

  • Visitante
[...]E é este o meu ponto: não existe software perfeito. Só que, para alguns usuários, os critérios para avaliar um (o software livre) são bem mais rigorosos que os usados para avaliar o outro (o Windows).

Um abraço e fui!


É por ai, quando um Windows dá problemas não vejo ninguém reclamando muito como fazem com o software livre.

Entretanto, uso o Windows 7 Home Basic praticamente desde que foi lançado por ter vindo com meu computador, e agora tenho outro Home Basic original, que não enfrentou problemas desde então. Ou seja, com a primeira cópia (que hoje está com o computador da minha mãe) tive uns 3 anos de uso, sem enfrentar problemas. Tive uma Tela Azul da Morte, mas causada por um software antigo e pior ainda, em faze Beta de desenvolvimento, que eu nem devia estar tentando rodar nele.

Não é meu objetivo discutir qual sistema é mais estável, mas pelo meu uso eu não tive problemas sérios com o Windows 7, nem com suas atualizações, nem travamentos sérios, nada. E entretanto, ainda assim o Ubuntu é para mim um sistema melhor que ele, caso contrário eu não estaria aqui. ;D

clodoaldops

  • Visitante
-linux é só p/ quem quer usar linux
-linux é p/ quem gosta de aprender coisas novas
-linux é p/ quem gosta de desafios
-quem não se encaixa na descrição acima deve continuar com windows
-p/ mim isso é tão simples
-aqui em casa minha esposa e filha usam windows
-eu e meu filho usamos linux

Willder

  • Visitante
-linux é só p/ quem quer usar linux
-linux é p/ quem gosta de aprender coisas novas
-linux é p/ quem gosta de desafios
-quem não se encaixa na descrição acima deve continuar com windows

-p/ mim isso é tão simples
-aqui em casa minha esposa e filha usam windows
-eu e meu filho usamos linux

"Ubuntu, Linux para seres humanos."

Offline musinet

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 279
    • Ver perfil
-linux é só p/ quem quer usar linux
-linux é p/ quem gosta de aprender coisas novas
-linux é p/ quem gosta de desafios
-quem não se encaixa na descrição acima deve continuar com windows
-p/ mim isso é tão simples
-aqui em casa minha esposa e filha usam windows
-eu e meu filho usamos linux

Sem ofensas, mas acho que é <b>este</b> tipo de mudança urgente que o Linux precisa... A imagem dos linuxers, fora da comunidade, é de sectarismo e soberba e comentários como este não contribuem para melhorar essa imagem. Linux não é clubinho fechado e mesmo os que não gostem de "desafios" ou de aprender coisas novas deveriam ser bem vindos ao decidirem utilizar o Ubuntu.

Abs.
Cassiano

Offline hugoleal85

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 509
    • Ver perfil
    • Recanto do Tux
Num hardware Intel qualquer usuário Windows com um pouquinho de conhecimento pode utilizar uma distro como o Mint, Zorin ou mesmo o Ubuntu sem grandes dificuldades.

As poucas dúvidas que surgirem podem ser tiradas aqui no Fórum sem maiores problemas.

Esse é o legado que o Ubuntu deixou e outras distros vêm inclusive aprimorando. Linux não é só para nerds e entusiastas. Linux pode ser utilizado por todos.

Aqui em casa a patroa e as crianças estão completamente adaptados ao pinguim.
"Cada homem que encontro é superior a mim em alguma coisa; e nisto posso aprender dele." [Ralph W. Emerson]
Meu blog

Offline nomade

  • O negócio não tem alma
  • Equipe Ubuntu
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 1.186
  • O negócio não tem alma
    • Ver perfil
Citar
Sem ofensas, mas acho que é <b>este</b> tipo de mudança urgente que o Linux precisa... A imagem dos linuxers, fora da comunidade, é de sectarismo e soberba e comentários como este não contribuem para melhorar essa imagem. Linux não é clubinho fechado e mesmo os que não gostem de "desafios" ou de aprender coisas novas deveriam ser bem vindos ao decidirem utilizar o Ubuntu.

Abs.
Cassiano

Cassiano,
Observe a chamada desse tópico. 1º leva a entender que o Linux é um sistema inferior ao da Microsoft (até aí beleza, cada um tem sua opinião); 2º leva a crer que os desenvolvedores Linux precisam aprender a facilitar a utilização do sistema observando a Microsoft.
Um usuário que manifesta tal opinião não conhece o sistema a muito tempo, é obvio. Desconhece que muito do que a Microsoft utiliza como recurso hoje em dia veio da observação desses recursos funcionando no Linux. Não acompanhou as mudanças ocorridas nas distros Linux nos últimos anos, e baseia o Linux totalmente em sua experiência com o Ubuntu, ignorando o fato de que as distros Linux são feitas por grupos variados.
Os que defendem esse amigo que postou esse tópico ignoram completamente o esforço que essa comunidade faz para ajudar as dificuldades dos usuários e até agora nenhum se dignou, me parece, em ler o que eu escrevo, só estão lendo as respostas curtas (pelo menos parece). Quem tem demonstrado soberba e sectarismo não somos nós. Nós não defendemos uma grande empresa, defendemos o ideal da comunidade.

Olha, também existem forums para se resolver problemas com o Windows (pois sim, exsitem pessoas que encontram problemas com ele), observem os recursos que usuários windows tem para resolver um problema, compare com a extensão dos recursos que usuários deste forum possuem para resolver problemas. observe também a falta de conhecimento desses usuários windows (um deles não sabe nem como colocar um programa em modo de compatibilidade com uma versão anterior), essa falta de conhecimento é o que torna o uso do sistema difícil e não o sistema ser difícil em si.

Observem esses forums:

Citar
http://forum.clubedohardware.com.br/problema-placa-video/887400

Citar
http://www.tecmundo.com.br/tira-duvidas/66482

Citar
http://www.gamevicio.com/i/topicos/65/65134-problema-com-placa-de-video-no-windows-7/index.html

Citar
http://www.hardware.com.br/comunidade/windows-reconhece/1153473/

Citar
http://forum.imasters.com.br/topic/393468-win-7-nao-reconhece-rede/


Se eu basear a experiência com o windows nesses forums, sim serei soberbo, pois eu não pago para usar o Linux, se eu pagasse seria muito mais exigente do que os usuários Windows são.

Debian 11 Bullseye KDE + Kernel Liquorix

Offline raidicar

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 576
  • Quad Shot of Ubuntu
    • Ver perfil
Acho que algumas opiniões não valem a pena ser compartilhadas.
E o pior é que fica um monte de gente se de-gladiando...

Eu acredito que quando uma pessoa fala sem conhecimento de causa, deve ser ignorada, não precisa ser bombardeada, rechaçada.... apenas ignorada.
Não se ensina o abcedário a quem não quer aprender a ler.
E quando alguém que não sabe ler, critica ou compara o conteúdo de um livro, é melhor ignorar, mesmo que esse livro seja o seu livro favorito.

Cada qual com sua ignorância.
Simples assim.
Quem ama extremamente, deixa de viver em si e vive no que ama. Na vida três coisas são certas, o amor, a morte e o Linux !
Se Platão disse, então realmente sofremos de uma perigosa doença mental.

eliseu_carvalho

  • Visitante
Quem quer que os sistemas Linux sejam um "Windows de graça", que continue esperando sentado. Uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa, como diziam os babilônios.

Offline Alfa

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 8
    • Ver perfil
Uma vez vi vários usuários aqui no Forum dizendo ... "Não alimentem os trolls."
Parece que os trolls ainda continuam sendo alimentados.
O cara não tá a fim de usar Linux e pronto! Não adianta tentar fazê-lo mudar de idéia pois ele gosta de Windows.

Offline Alfa

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 8
    • Ver perfil
Vou tentar ...
Não alimentem os trolls!

Offline nomade

  • O negócio não tem alma
  • Equipe Ubuntu
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 1.186
  • O negócio não tem alma
    • Ver perfil
Uma vez vi vários usuários aqui no Forum dizendo ... "Não alimentem os trolls."
Parece que os trolls ainda continuam sendo alimentados.
O cara não tá a fim de usar Linux e pronto! Não adianta tentar fazê-lo mudar de idéia pois ele gosta de Windows.

Tá certo... dei mole e perdi meu tempo de bobeira mesmo, por pura indignação.
Debian 11 Bullseye KDE + Kernel Liquorix